Futebol de Arapuá: Ouro Verde recorre após eliminação da Copa Amapar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A equipe aguarda decisão acerca da Copa Regional AMAPAR. A equipe de João Pinheiro esclareceu o caso a nossa reportagem.

Nenhum texto alternativo automático disponível.
Foto: Divulgação
A cidade de Arapuá-MG tem, como time oficial, o Ouro Verde. Dentre as diversas competições das quais participou, a mais polêmica tem sido a Copa Regional AMAPAR.
O Ouro Verde foi eliminado nas quartas de finais pela equipe de João Pinheiro. Segundo o time de Arapuá, no último sábado (22), o adversário jogou com um jogador irregular.

- Continua depois da publicidade -

A equipe entrou com recurso na Comissão Disciplinar da Liga Patense, alegando, o jogador morava no estado do Rio de Janeiro, e tinha um contrato com o Vasco da Gama, que venceu em dezembro de 2016. Segundo regulamento, para poder competir pelo time, o atleta deveria residir na cidade do time desde maio de 2016.

Até o momento, nada foi comprovado. Somente após a análise e julgamento pela comissão disciplinar, poderá se ter um juízo a respeito do caso. 

Seleção Pinheirense se Manifesta

O Seleção Pinheirense de Futebol, foi procurada pela reportagem do Triângulo Notícias. O diretor do time, Elmar Xavier, afirmou que a acusação é infundada. Segundo ele, Jéferson Rodrigues Gonçalves, não possui nenhum vinculo com outro clube brasileiro. “O jogador, mora em João Pinheiro e possui várias propriedades”.

O diretor do Pinheirense, reconheceu que Jéferson já foi contratado pelo Vasco da Gama, porém a última partida aconteceu em abril de 2016, quando ele foi emprestado para o Madureira.

Elmar Xavier, finalizou, declarando que respeita a posição do time de Arapuá e que a verdade será apurada pelo Comissão Disciplinar. O Triângulo Notícias continuará acompanhando o caso.

Déborah Santos
Triângulo Notícias
25/04/2017

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -