Fundo de cooperação para mídia do Brics terá aporte de US$ 1 milhão

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Durante o segundo Fórum de Mídia do Brics, bloco formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, a agência de notícias estatal chinesa Xinhua anunciou que investirá US$ 1 milhão para estabelecer um fundo com o objetivo de promover a cooperação entre os veículos de comunicação dos países do grupo. O anúncio foi feito pelo presidente da Xinhua, Cai Mingzhao.

Ao final dos dois dias de evento, que terminou hoje (8) em Pequim, foi lançado um plano de ação para fortalecimento da cooperação entre a imprensa dos países do Brics. Entre os itens acordados estão a expansão dos campos de cooperação entre as organizações de mídia do Brics, o desenvolvimento em conjunto da mídia digital entre os países do bloco, o fornecimento em conjunto de serviços de informações financeiras e o fortalecimento da responsabilidade social da imprensa.

“O fundo será usado para facilitar a implementação do plano de ação para que os países do Brics fortaleçam a cooperação da mídia”, disse Cai Mingzhao, que também é presidente executivo do Fórum de Mídia do Brics.

A 9ª Cúpula do Brics ocorrerá entre os dias 3 e 5 de setembro em Xiamen, cidade de 3,8 milhões de habitantes situada na província de Fujian, na Costa Sudeste da China. Segundo o governo chinês, a próxima cúpula tem como um dos objetivos aprofundar a cooperação pragmática entre os países-membros e fortalecer a governança para fazer frente aos desafios globais.

*A repórter viajou a convite do Centro de Imprensa China-América Latina e Caribe

Fonte: Agência Brasil

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. A responsabilidade dos comentários é integralmente de seus autores. O Patos Notícias se reserva ao direito de remover postagens que violem seus termos de uso ou as leis vigentes sem prévia notificação.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.