Fiscais da prefeitura interrompem live sertaneja e dono de bar diz que seguia os protocolos

Uma cliente reclamou que outros estabelecimentos na cidade estão descumprido as medidas sanitárias, contudo não são alvos da fiscalização.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Igor Nunes (Patos Notícias)

Uma ação dos fiscais da Vigilância em Saúde de Patos de Minas interrompeu uma live em um bar na noite desta sexta-feira (06/11) na Rua Major Gote, no Centro. O proprietário e clientes reclamaram da atuação da administração municipal durante o período de pandemia.

O proprietário do bar não quis gravar entrevista, mas falou com nossa equipe que ficou quase sete meses fechado devido a pandemia. Após a classificação de onda verde no Programa Minas Consciente, o local foi reaberto, porém com a capacidade inferior.

O Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros – AVCB permite a capacidade de até 494 pessoas dentro do bar, porém devido às regras do Programa Minas Consciente, o local estava com uma ocupação menor. Além disso, os protocolos emitidos pela Prefeitura de Patos de Minas não deixam claro algumas situações, como por exemplo o distanciamento de mesas. “As mesas são distanciadas por dois metros, mas não sabia que isso também incluía as cadeiras”, ressaltou.

Uma cliente, de 31 anos, disse que estava no local desde as 19h. Ela conta que todos estavam sentados e respeitando o distanciamento. “Um local que está todo mundo transitando de máscaras e todos respeitando a questão da prevenção”, ressaltou.

A mulher questiona o porquê de vários bares estarem lotados e não irem fiscais nestes locais, somente no referido bar.

A fiscalização chegou ao local acompanhado por duas viaturas da Polícia Militar. Os policiais ficaram na porta enquanto o bar era notificado pela fiscalização. O show que era também transmitido pela internet foi interrompido e os portões foram abertos.

Algumas pessoas foram embora, mas não houve evacuação. Os clientes continuaram consumindo normalmente o que já havia sido adquirido anteriormente.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS