Filha é suspeita de mandar matar o pai por causa de dinheiro

A mulher foi presa durante o velório. O crime aconteceu em Uberlândia.

Compartilhe

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Filha é suspeita de mandar matar o pai por causa de dinheiro
Foto: Ilustrativa

Um idoso de 72 anos foi encontrado morto em uma empresa do Distrito Industrial de Uberlândia. O crime foi noticiado pelo Triângulo Notícias na última terça-feira (03/09). 

Segundo a Polícia Militar, uma denúncia anônima informou que o crime teria sido encomendado pela filha da vítima. A motivação seria por questões de posse e dinheiro.

A PM iniciou diligências e conseguiu identificar e prender suspeitos de participar da execução do crime. Entre eles estão um homem de 34 anos (preso em um motel) e um adolescente de 17 anos (apreendido). Com esse último rapaz foi encontrada uma pistola, supostamente usada no homicídio.

Um terceiro homem foi localizado pela PM. Esse cidadão disse, segundo o boletim de ocorrência, que teria sido procurado pela filha da vítima. Ela teria, supostamente, o pedido para executar o crime pela quantia de 10 mil reais. Esse suspeito, porém, afirmou que não aceitou o serviço e indicou o homem de 34 anos para executá-lo.

De posse das informações, os policiais foram até o velório da vítima e deram voz de prisão a filha, uma mulher de 38 anos.

Os PMs ainda durante as diligências conseguiram apreender R$ 7.510,00. Essa quantia, segundo a ocorrência, seria parte do valor pago para a execução do homicídio.

Outros dois homens suspeitos de envolvimento com o fato foram presos. As investigações agora estão a cargo da Polícia Civil.

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Comments System WIDGET PACK

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.