Fica Vivo! reúne jovens no “3º Encontro de DJ’s” do Jardim das Alterosas

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Cerca de 20 jovens que participam do Programa Fica Vivo!, do Governo de Minas Gerais, se reuniram durante a terceira edição do “Encontro de DJ’s” com  apresentações de dança do Centro de Prevenção à Criminalidade (CPC) Jardim das Alterosas, em Betim.

A mesa de som com toda a aparelhagem necessária para a execução das músicas ficou à disposição de três jovens – Crédito: Rafael Costa

Desta vez, o local escolhido para realização do evento foi a Escola Municipal Tito Flavius Lima Andrade, no Bairro Jardim das Alterosas, com o intuito de aproximar o trabalho do CPC ainda mais comunidade e também incentivar a participação de assistidos pelo programa em ações de ocupação dos espaços públicos por meio de atividades de esporte e lazer.

A mesa de som com toda a aparelhagem necessária para a execução das músicas ficou à disposição de três jovens que participam da oficina de discotecagem oferecida pelo Fica Vivo! na região. Pela primeira vez se apresentando, os jovens demonstraram com maestria o aprendizado adquirido durante as aulas do oficineiros Klinger Cézar de Oliveira.

De acordo com Rafael Soares Costa, gestor social dos CPC’s Jardim das Alterosas e PTB, o objetivo de alcançar cada vez mais jovens da comunidade foi alcançado.  Ele salienta a importância de eventos como esse.

“A presença de jovens que não participam de nenhuma oficina mostra que a mobilização nas escolas da comunidade funcionou e que eventos como este são atrativos e capazes de reuni-los em torno de uma atividade de lazer”, conclui o gestor.

Para Klinger, que atua como oficineiro no Programa Fica Vivo! há oito anos, o encontro de DJ’s é uma oportunidade para que os jovens mostrem para os amigos e para a comunidade um pouco do que aprendem durante a oficina e sintam a responsabilidade de tocar para um público de forma efetiva.

“Este evento é de suma importância para os jovens, pois visa valorizar e estimular o aprendizado e trabalha também com outros fatores como autoestima, inibição e valorização da pessoa”, diz o oficineiro.

Oficina de Dança

Além da discotecagem, o encontro de DJ’s contou com apresentações de dança e de MC’s de rap, também resultado de oficinas do Fica Vivo!. 

Além de palco para os trabalhos que vêm sendo desenvolvidos pelo programa Fica Vivo! com os jovens na região do Jardim das Alterosas, o encontro acaba aproximando também outras pessoas da comunidade do Centro de Prevenção, para que possam conhecer melhor o programa e o Mediação de Conflitos, ambos da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp).

Fonte: Agência Minas Gerais

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS