Feirão da Caixa oferece mais de 60 mil imóveis em São Paulo

Compartilhe

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

A Caixa Econômica Federal abriu hoje (4), no Parque de Exposições Anhembi, o Feirão da Casa Própria, oferecendo mais de 64 mil imóveis novos e 11 mil usados. Salvador e Porto Alegre também recebem o feirão. Somente na capital paulista, estão disponíveis 64.934 mil unidades.

São Paulo - Feirão da Caixa Econômica Federal oferece mais 202 mil imóveis novos e usados em 11 cidades brasileiras (Rovena Rosa/Agência Brasil)

Feirão da Caixa está sendo realizado pela 14ª vez (Rovena Rosa/Agência Brasil)

Na abertura do evento, o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, destacou que o governo federal tem destinado cada vez mais recursos para moradias. “Estamos fortalecendo o programa habitacional e o mercado imobiliário no país. Queremos gerar mais de 1 milhão de postos de trabalho com a construção civil”, disse Baldy.

A edição paulista do Feirão da Caixa traz 87 construtoras e 162 imobiliárias para oferecer 54 mil imóveis novos e 11 mil usados. No mesmo espaço do Anhembi, o visitante pesquisa uma casa, simula o valor das prestações e assina o contrato de financiamento.

No dia 18 deste mês, o feirão estará nos município de Belo Horizonte e Uberlândia, em Minas Gerais, e no Rio de Janeiro, em Goiânia e em São Luís. No fim de semana seguinte, de 25 a 27 de maio, o feirão encerra a edição deste ano em seis capitais (Brasília, Belém, Curitiba Florianópolis, Fortaleza e Recife e em Campinas, no interior paulista.

Segundo o presidente da Caixa, Nelson de Souza, a expectativa é atingir R$ 15 bilhões em negócios realizados e receber 250 mil visitantes nas 15 cidades que realizam o feirão neste ano. “Temos demanda e recursos, e o poder aquisitivo das famílias está melhor. São variáveis que vêm ao encontro de um melhor momento da economia brasileira”, disse.

Para participar, o interessado deve levar o documento de identidade, o CPF e os comprovantes de renda e de residência atualizados. A aprovação do crédito é baseada nas informações do perfil do cliente, como renda, capacidade de pagamento e ausência de restrições cadastrais.

FONTE: Agência Brasil

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.