Escola de Patos de Minas suspende atividades após infecção pela COVID-19

Servidora da escola estatual do Bairro Jardim Itamaraty testou positivo à doença.

Compartilhe

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

As atividades da Escola Estadual Paulina de Melo Porto, situada no Bairro Jardim Itamaraty, foram suspensas após a constatação de um caso de COVID-19 de uma auxiliar de serviços de educação básica (ASB). O comunicado foi feito na manhã deste sábado (03/07) pela diretora e confirmado pelo superintendente regional de ensino.

Uma mãe de um aluno disse que logo pela manhã foi divulgado nos grupos de Whatsapp da escola a seguinte mensagem:

Bom dia comunidade escolar!

Comunico a comunidade escolar que na próxima semana a EE. Prof. Paulina de Melo Porto encontra-se fechada.

Tivemos a constatação de um caso de COVID 19 de uma servidora (ASB do turno da manhã), no final da tarde ontem.
Em cumprimento ao protocolo sanitário, imediatamente a escola informou a SEE por meio do sistema de monitoramento, as chefias imediatas (inspeção e Superintendente) a confirmação do caso e reportamos as autoridades.
Estávamos aguardando um posicionamento da SRE PATOS DE MINAS e SEE para pudéssemos comunicar o fechamento da EE. Professora Paulina de Melo Porto na próxima semana.

Caso o aluno tenha participado das atividades presenciais nesta semana e apresente algum sintoma da Covid 19, deverá procurar atendimento médico e comunicar a escola.

Posteriormente, serão repassadas orientações e comunicados

Esperamos com fé, que possamos passar por esse momento tão complicado e único em nossas vidas com a esperança de que dias melhores ainda virão.

Nayara Fonseca
Diretora da EE Prof Paulina de Melo Porto

A mensagem foi encaminhada para a redação do Patos Notícias que entrou em contato com o superintendente regional de ensino, Carlos Coimbra, e confirmou a situação.

Carlos Coimbra disse ainda que a servidora estava trabalhando, mas que provavelmente não se contaminou na escola. De imediato, a superintendência decidiu suspender as aulas durante a semana para ver se mais alguém foi contaminado. Se houver confirmação, será suspensa por mais 14 dias.

O superintendente disse ainda que as atividades vão continuar de forma remota e que a escola passará por dedetização. Caso não apareça mais nenhum infectado durante estes sete dias, a escola retornará as atividades.

As aulas de 1º ao 5º ano começaram na última segunda-feira (28/06) de forma híbrida. Todas as escolas da rede estadual foram adaptadas para o retorno às atividades presenciais e seguem protocolos rigorosos para o retorno dos alunos a sala de aula.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

guest
7 Comentários
O mais novo
Mais antigo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Lucas
Lucas
04/07/2021 07:13

Engraçado! As escolas particulares tem casos de Co-vid entre alunos e funcionários e não tem essa exposição! Incrível, como algumas pessoas da imprensa e sociedade são covardes e só conseguem “julgar” e “bater” em quem é mais fraco!

GISELLE RODRIGUES
GISELLE RODRIGUES
Responder a   Lucas
04/07/2021 09:03

Bom dia, concordo, mas, a direção e professores, não querem voltar, as aulas, presenciais, vamos ter que si virar nos 30 e pagar particular, pois, lá tem aula, quem paga cobra, agora nas escolas Estaduais e Municipais os pais estão estaqueados e acomodados, tem que começar a cobrar, acorda gente, são nossos filhos, é revoltante…a desigualdade, muitas vezes não vem só do governo, a responsabilidade, vem da própria população não cobrar, os professores, fazerem greve, terrorismo para não voltar aulas presenciais e todo mundo deixa passar, temos que dar um basta, vacina já para todos, aulas presenciais com protocolos rígidos,… Ler mais...

Luciana Pereira da Silva
Luciana Pereira da Silva
03/07/2021 20:36

A sociedade n esta preparada nem pra uma praga igual piolho imagina pra covid , e outra os professores são imunizados mas os alunos n , so começou as aulas porq foram vasinados e os alunos como fica é certo isso ?

Flávio
Flávio
03/07/2021 20:21

Já que ficamos parados a mais de um ano.. porquê, não esperar até não haver mais casos, continuar tudo on-line?
Até todos receberem as vacinas, duas c
Doses, e comprovarem, mediante carteirinha de vacina, todos os dias na entrada, bem como, afetem a temperatura? Não seria mais seguro?

Denise
Denise
03/07/2021 19:25

Na E. E. Deiró Borges também teve um caso de covid em um dos alunos. Mas ninguém notificou

Lázaro
Lázaro
03/07/2021 19:09

Que eu saiba, algumas escolas estaduais de Patos de Minas estão tendo casos de Covid a torto e a direita e somente o funcionário infectado é afastado pra trabalhar em casa. Os outros ficam lá dentro trabalhando como se nada tivesse acontecido. Além de estarem doentes, tem que trabalhar de casa, porque dá muito mais trabalho apresentar o atestado e preferem trabalhar doentes. Muito errado isso.

Covid
Covid
Responder a   Lázaro
04/07/2021 08:11

A opçãp de entrar ou não de licença é do proprio servidor.

A responsabilidade pelo comentário é totalmente do respectivo autor. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos serão removidos automaticamente. Achou um comentário ofensivo? Clique em "denunciar".

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.