Enem 2018 o segredo das redações nota mil está resumido em cinco competências

Siga os critérios para se dar bem na prova.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2018) está se aproximando. Nos próximos finais de semana, dias 04 e 11 de novembro, os estudantes irão enfrentar uma maratona de questões e uma redação. Ela mesmo! A mais temida avaliação pelos estudantes ainda terá tema surpresa.

Para evitar o desespero dos estudantes de plantão, vale lembrar que a correção das redações do Enem segue um modelo padronizado de critérios. Por isso, é necessário que o texto se encaixe nas cinco competências, que inclusive estão disponíveis no Manual de Redação do Enem 2018. Sendo assim, tirar a nota máxima não é sorte, mas sim fruto da capacidade de elaborar um texto que se enquadra nos critérios estabelecidos.  

- Continua depois da publicidade -

O segredo então das redações nota mil do Enem é seguir esses cinco critérios usados na avaliação. Por isso separamos aqui cada uma delas

Competência 1 Demonstrar domínio da modalidade escrita formal da Língua Portuguesa
Competência 2 Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa
Competência 3 Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista
Competência 4 Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação
Competência 5 Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos

 

Cada uma dessas competências é avaliada em critérios que variam de 0 a 200 pontos, em seis níveis diferentes de adequação. E cada um desses níveis tem características já pré-definidas, para que nenhuma interferência pessoal do examinador altere a nota do candidato. Em cada competência, o estudante pode tirar 200, 160, 120, 80, 40 e 0 pontos.

Saber se adequar à essas competências pode te ajudar a ir bem na prova e, assim, conseguir ingressar no Ensino Superior.

Ingresso no Ensino Superior com bolsas de estudo

Uma outra dica: você pode ingressar na faculdade dos sonhos com bolsas de estudo de até 70% contando com apoio do Educa Mais Brasil. Entre cursos disponíveis estão Engenharia Civil, Direito, Ciências Contábeis, Educação Física, Administração, Biomedicina, Nutrição e Farmácia. Para conseguir o benefício acesse aqui o site parceiro do programa e faça sua inscrição gratuita.

Vanessa Casaes – Ascom Educa Mais Brasil

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -