Empresários da capital querem reabrir o Hospital São Lucas

Existe a possibilidade, inclusive, de atendimentos pelo Sistema Único de Saúde (SUS).
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Hospital São Lucas
Foto: Lélis Félix (Patos Notícias)

Dez dias após o anúncio do fechamento do Hospital São Lucas que ocorreu na segunda-feira (18/10), a Rádio Clube98 conseguiu de forma exclusiva, a informação de que um grupo de empresários da Prime Solidaria – OSCIP da capital mineira está fechando negócio com o responsável pelo prédio do São Lucas o médico Sérgio Piau, para continuar os atendimentos antes oferecidos pelo HSL, de forma que a população não fique desatendida pelo empreendimento hospitalar.

Em entrevista a Rádio Clube98, o advogado Rodrigo Bravim que está à frente das negociações disse que o grupo as negociações estão avançadas. “Vendo a situação da população de Patos de Minas, temos total interesse em assumir o empreendimento em saúde na cidade”. O advogado da OSCIP, ainda disse que o grupo de empresários esta disposto a reabrir o hospital com a cara nova. “Um novo nome e um atendimento de saúde ainda mais qualificado para Patos de Minas”, afirmou. O projeto é assumir toda a capacidade do antigo São Lucas reabrindo convênios que o hospital já tem, e praticar preços populares assim como os atendimentos públicos voltando atender pelo SUS.

Ainda segundo o advogado, o Grupo Prime Solidário está tentando contatos para negociar sobre o serviço de hemodiálise e outros atendimentos com prefeitos da região e o CISALP (Consórcio Intermunicipal de Saúde do Alto Paranaíba), “Eu estive tentando contato com o prefeito de Patos de Minas, com o CISALP e os próximos dias estarei na região para tentar esses contatos novamente e, juntos procurar uma solução duradoura para a saúde de Patos de Minas,” disse.

A expectativa é que nos próximos dias sejam divulgadas ainda mais novidades, como, por exemplo, o novo nome do hospital, e como será o funcionamento do local. O advogado Rodrigo Bravim ainda acredita que em 40 dias, o complexo hospitalar estará funcionando em Patos de Minas. “Uma data para ficar como um marco dessa mudança seria em dia 1º de dezembro. Precisamos do apoio do poder público para que tudo funcione da melhor forma”, concluiu.

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.