Empresa de ônibus é multada em R$ 28 mil pelo Procon de Patos de Minas

A empresa deixou de transportar os passageiros em 20 de junho.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Procon e PM de Patos de Minas
O Procon acionou a Polícia Militar no terminal rodoviário após flagrar a violação dos direitos dos consumidores.
Foto: Divulgação

Após instaurar processo administrativo em desfavor da TransBrasil, o Procon de Patos de Minas multou a empresa no valor de R$ 28.684,44. A sanção imposta deve-se ao não transporte de passageiros com destino a São Paulo e demais conexões no dia 20 de junho de 2022.

Em 20 de junho,  depois de tomar conhecimento do fato, o coordenador do órgão, Rafael Godinho Nogueira, esteve no terminal rodoviário e acompanhou todas as diligências. Além de não serem realocados em outros ônibus, os passageiros não receberam restituição dos valores pagos pelas passagens. A empresa também deixou de prestar esclarecimentos aos consumidores, obrigação que lhe competia legalmente.

Os consumidores foram encaminhados ao Poder Judiciário com cópia da documentação do processo administrativo para reaverem o valor pago pelas passagens e demais danos que tenham experimentado. A empresa também foi denunciada ao Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) e à Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT).

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

3 Comentários
O mais novo
Mais antigo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
REVOLTA
20/07/2022 23:25

AGORA FICA OS TROUXAS VIAJANDO NESSAS SUCATAS DA CONTINETAL

Pirilampo da Silva
20/07/2022 16:53

“Viação Abreu, você não viaja nem eu” fala qual empresa…

André DiCastro
20/07/2022 16:21

E a empresa continua prestando serviços??????

A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores. Eles não representam a opinião do Patos Notícias. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos são removidos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.