Empresa anuncia investimento de 5 milhões e gerará vários empregos em Patos de Minas

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Área onde ficará a nova unidade fabril

Na tarde do último sábado (22), o Prefeito José Eustáquio Rodrigues Alves participou de uma reunião com moradores do bairro Planalto e diretores do Grupo Setta. A reunião, de iniciativa da empresa, foi para mostrar à comunidade os investimentos que o Grupo fará para construção de uma unidade fabril no terreno de dez mil metros quadrados, onde se localizavam os hangares do antigo Aeroporto, no Bairro Planalto.

De acordo com Diretor Executivo do Grupo, Vinicius de Moura Dias, a área construída, inicialmente, é de dois mil e quinhentos metros quadrados e deverá ficar pronta dentro de quatro meses. O investimento está previsto em R$5 milhões de reais. Com a nova unidade, o Grupo poderá melhorar o sistema de pintura e conformação de chapas metálicas, reestruturar a fábrica de equipamentos elétricos industriais, aumentar a área de montagem de produtos. O galpão será construído de acordo com os padrões mundiais de sustentabilidade. “A nova sede possibilitará um melhor atendimento aos nossos colaboradores e clientes em um lugar amplo e confortável. Atualmente, as empresas Setta Engenharia e Setta Energy contam com um quadro de 80 funcionários e acreditamos que a nova sede possui grande potencial para ampliação e geração de novos empregos”, ressaltou Vinicius.

- Continua depois da publicidade -

Segundo o Prefeito José Eustáquio, com o investimento a empresa conseguirá fomentar a economia local, trazendo mais desenvolvimento para a cidade. “É muito bom saber que as empresas locais estão crescendo e investindo seus recursos no nosso Município, gerando emprego e renda”, destacou o prefeito.

Fonte: Prefeitura Municipal de Patos de Minas

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -