Embora siga na onda amarela, microrregião de Patos de Minas aumenta grau de risco em dois pontos

Houve aumento acentuado no indicador que reflete a velocidade instantânea de propagação do vírus e possibilita estimar a taxa de crescimento do número de casos da doença

Compartilhe

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Apesar de manter-se na onda amarela do Minas Consciente por mais uma semana (3 a 9 de outubro), a microrregião de Patos de Minas chegou ao grau de risco 14, pontuação limite para não regredir na classificação. Nas duas avaliações anteriores à divulgada ontem pelo Governo estadual, as notas foram respectivamente 12 e 11, ou seja, o grau de risco vem aumentando há duas análises seguidas. Os números confirmam o que já vem sendo alertado pelo Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19: o relaxamento nos cuidados preventivos contra a doença, tanto local quanto regionalmente, estão impactando negativamente os dados epidemiológicos.

De acordo com a planilha de indicadores do plano, a Taxa de Incidência da doença na microrregião saltou de 94 (médio risco) para 138 (alto risco). Houve aumento acentuado também na Variação da Taxa de Incidência, que reflete a velocidade instantânea de propagação do vírus e possibilita estimar a taxa de crescimento do número de casos de Covid-19: de 5% para 66%, também variando de médio para alto risco. A Variação da Positividade Atual, índice que mede a presença do vírus em uma população comparada a outras causas de Síndrome Respiratória Aguda Grave, teve leve queda (30% para 28%), mas ainda tem peso negativo na classificação final.

Mantiveram-se praticamente estáveis os dois indicadores que avaliam a capacidade de atendimento, com análise da variação na ocupação de leitos de UTI adulto (58% para 60%, médio risco) e número de leitos de UTI adulto disponíveis para população dependente do SUS (10,9 para 10,4, baixo risco).

Avaliação mensal – Conforme o painel de monitoramento da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), o número de casos confirmados em Patos de Minas em setembro foram: 105, entre os dias 1º e 5; 102, entre os dias 9 e 13; 128, entre os dias 15 e 19; 126, entre os dias 22 e 26. Nesta semana, são, até agora, 106 positivos.

“Vale lembrar que alguns indicadores analisados pelo Minas Consciente consideram a relação de dados da última semana sobre dados da antepenúltima semana à data da reunião do Comitê Extraordinário Covid-19. Assim, o aumento mais recente de casos ainda não está todo refletido no grau de risco divulgado nessa quarta-feira. É muito provável que o impacto maior virá na semana que vem”, explica o coordenador do Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19, Célio Adriano Lopes.

-As planilhas podem ser consultadas aqui (menu “Indicadores do Minas Consciente”).

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.