Em apresentação a diplomatas, CNI mostra dados que indicam fim da recessão

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Pela primeira vez nos últimos três anos todos os indicadores medidos pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) evoluíram de forma favorável, indicando o fim da recessão no Brasil, segundo informou hoje (21) o diretor de Políticas e Estratégia da entidade, José Augusto Fernandes.

Os dados foram apresentados nesta terça-feira a mais de 100 representantes diplomáticos de 80 países, que participam do 8ª Briefing Diplomático, um fórum de interação entre o setor industrial e o corpo diplomático em Brasília.

O Briefing Diplomático ocorre duas vezes ao ano, no primeiro e no segundo semestre, desde 2014.

Segundo Fernandes, a confiança do empresário industrial alcançou 56 pontos em outubro, acima da média histórica do indicador; a produção industrial parou de cair e teve leve melhora; a inflação está abaixo do esperado; o risco país passou de 289 pontos para 243 pontos; a intenção de investimentos subiu de 46,5 para 49,6 e o desemprego caiu de 12,4% em setembro deste ano.

O diretor da CNI também destacou que a queda da inflação e a redução dos juros dão sinais positivos para o sistema financeiro, ampliando as perspectivas de oferta de crédito.

A CNI também apresentou aos representantes diplomáticos a posição do setor industrial sobre a agenda de reformas propostas pelo governo, países prioritários para negociações internacionais e a regulamentação da Lei de Migração.

 

Texto ampliado às 16h50

Fonte: Agência Brasil

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. A responsabilidade dos comentários é integralmente de seus autores. Comentários que são considerados como spam ou ofensivos devem ser denunciados diretamente ao Facebook. O Patos Notícias se reserva ao direito de remover postagens que violem seus termos de uso ou as leis vigentes sem prévia notificação. 

NOTÍCIAS RELACIONADAS

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.