Eleições 2020: Saiba como denunciar disparos em massa no WhatsApp

O Tribunal Superior Eleitoral disponibilizou plataforma para receber denúncias.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

As eleições municipais, assim como o pleito de 2018, ocorrem na era das fake news (notícias falsas). Por esse motivo, os eleitores devem ficar atentos para não acreditar em informações inverídicas e principalmente não propagar esse tipo de conteúdo.

O WhatsApp, aplicativo de mensagens instantâneas, é a principal rede social utilizada para disseminar esse tipo de conteúdo.

- Continua depois da publicidade -

Recentemente, o Facebook anunciou a redução no número de encaminhamentos. Antes você podia reenviar a mensagem para até 20 contatos ou grupos, agora esse número caiu para cinco. Outra mudança foi o indicador de “duas setinhas” em cima da mensagem que mostra que aquele texto foi enviado em massa.

A utilização de métodos artificiais, ou seja robôs, é ilegal e vai contra os termos de uso do WhatsApp. Pensando em combater esse tipo de envio e principalmente a propagação de fake news, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) criou uma plataforma para receber denúncias. Veja a seguir como denunciar:

  1. Acesse: https://denuncia-whatsapp.tse.jus.br/dew/rest/denuncia/;
  2. Preencha com suas informações pessoais: nome, e-mail, telefone, cidade/estado;
  3. Indique a data de recebimento da mensagem e o número de WhatsApp que mandou o conteúdo;
  4. Você deve indicar se o conteúdo faz referência as eleições e relatar do que se trata a mensagem;
  5. Depois basta clicar em “ENVIAR”.

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -