“É culpa do Michel Temer” diz criminoso que ateou fogo no sexto ônibus em Uberlândia

De acordo com a PM, as chamas foram controladas rapidamente pelo motorista, com ajuda de populares, e os danos foram mínimos. Nenhum dos autores foi preso até o momento.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A série de ataques em Uberlândia vem assustado a população. No final da noite de ontem (04), o sexto ônibus foi incendiado na Rua João Justino Fernandes no Bairro Presidente Roosevelt. De acordo com informações da Polícia Militar, o condutor do ônibus relatou que estava fazendo a linha rumo ao centro da cidade, quando um indivíduo negro, magro, estatura mediana e trajando jaqueta preta, boné e calça jeans adentrou no veículo.

Ainda segundo o depoimento, o bandido estava parado no ponto de ônibus e deu sinal para que o ônibus parassem. Sem desconfiar, o condutor parou e neste momento o autor sacou uma arma de fogo e ordenou que a vítima saísse do ônibus e corresse. Em seguida, o criminoso disse “a culpa é do Michel Temer”.

- Continua depois da publicidade -

Poucos instantes depois, um segundo autor chegou ao local e trouxe um galão de gasolina. Eles espalharam o combustível pelo interior do ônibus e em seguida atearam fogo.

Os indivíduos fugiram rapidamente do local. Neste momento, populares e o motorista conseguiram controlar a chama e os danos foram mínimos.

A Polícia Militar compareceu ao local, registrou ocorrência e escoltou o ônibus até a garagem da empresa de transporte.

Rastreamentos foram feitos, porém os autores seguem sem identificação e foragidos. A motivação será analisada, tendo em vista os dizeres proferidos por um dos criminosos.

Um sétimo ataque foi registrados no Bairro Santa Mônica minutos depois desta ocorrência, nossa reportagem segue em apurações. Aguarde reportagem. 

Foto de Capa: Ilustrativa

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -