Dupla suspeita de cometer assalto à escritório de contabilidade tem prisão preventiva decretada; um dos autores debochou das autoridades

O crime aconteceu no início do mês na cidade de Patrocínio. Um dos autores debochou das autoridades, após ter sido liberado por falta de flagrante. No entanto, ontem, voltou para a cadeia após prisão preventiva ser decretada pela justiça.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Kelvin Jose e Hudson Matheus respectivamente.
Foto: Arquivo Pessoal

Uma dupla de jovens que foi presa pela Polícia Militar pelo crime de roubo, acabou tendo sua prisão preventiva decretada pela justiça. Tudo começou depois de um deles comentar em um post das redes sociais. Na frase ele debochava da autoridade policial; a mensagem foi veiculada há três semanas atrás e dizia: “Eu sai seus folgados”.

Hudson Matheus Domingos Rodrigues de 19 anos possui 14 passagens policiais e foi preso ontem, quinta-feira (26/10), em Patrocínio, devido a uma decisão judicial. O autor estava com um revólver calibre .22 com oito munições intactas, uma réplica de pistola, uma porção de maconha e 37,00 reais. Seu amigo e comparsa, Kelvin José Oliveira de Souza de 18 anos foi detido no dia 11 de outubro no Bairro Amir Amaral, na mesma cidade.

- Continua depois da publicidade -

No início do mês, 06/10, Hudson cometeu um roubo. Na ocasião o autor juntamente com o comparsa, Kelvin, renderam funcionários de um escritório de contabilidade e subtraíram R$ 6.000,00. Ambos estavam armados com pistolas.

Em seguida mediante ameaças deslocaram até residência do dono do escritório levaram dinheiro, joias, objetos diversos. Ao final os indivíduos tomaram Whisky para comemorar o crime, trancaram as vítimas dentro de um quarto, jogaram os aparelhos celulares em um aquário e evadiram num veículo VW/Gol roubado.

Naquela época ambos foram presos na cidade de Patos de Minas. Os autores estavam com a quantia de R$ 3.650 (três mil seiscentos e cinquenta reais), além de maconha e uma corrente de ouro que foi subtraída na residência. Neste dia o flagrante dos autores não foi ratificado e o autor Hudson comemorou nas redes sociais sua liberação.

Com informações da Polícia Militar

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -