Dono de lanchonete critica decreto e desabafa sobre prejuízo e dispensa de funcionários

Para Rinaldo Carvalho, a decisão da prefeitura deveria ter sido comunicada previamente para que os comerciantes pudessem se preparar, como reduzir o estoque e suspender pedidos com fornecedores.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Os comerciantes de Patos de Minas foram surpreendidos com a limitação de horário imposta pela prefeitura na última quinta-feira (04/02). Segundo o decreto 4.992, restaurantes, pizzarias, bares, lanchonetes, praças de alimentação, lojas de conveniências e varejo de bebidas poderão funcionar somente de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, ou seja, no período noturno e aos finais de semana estarão fechados. O delivery, inclusive com retirada no balcão, é permitido todos os dias.

O prefeito, Luís Eduardo Falcão (PODEMOS), em conjunto com o Comitê de Enfrentamento a COVID-19, tomou a decisão sob a justificativa de conter aglomerações. A ocupação de leitos na rede pública e privada está no limite após o aumento das infecções em Patos de Minas e nos municípios da região.

Para o empresário, Rinaldo Carvalho Silva, a medida veio sem nenhum aviso prévio. Ele é proprietário de uma lanchonete na Rua Olegário Maciel e teme por um grande prejuízo, já que trabalha com matéria prima perecível para a fabricação de sanduiches. Além disso, receia que outros produtos, como cervejas e refrigerantes, expire o prazo de validade.

Para Rinaldo, o fechamento deveria ser por completo. Na opinião dele, o decreto da prefeitura privilegiou alguns segmentos econômicos.

Com a suspensão das atividades, os funcionários que atuam no atendimento físico serão dispensados. Com o fim do auxílio emergencial, eles estão preocupados, já que sua fonte de sustento pode ter sido comprometida.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. A responsabilidade dos comentários é integralmente de seus autores. Comentários que são considerados como spam ou ofensivos devem ser denunciados diretamente ao Facebook. O Patos Notícias se reserva ao direito de remover postagens que violem seus termos de uso ou as leis vigentes sem prévia notificação. 

NOTÍCIAS RELACIONADAS

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.