Desavença antiga acaba em morte no final do Natal em Rio Paranaíba

O crime aconteceu por volta das 19h no pátio de um posto de combustíveis.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O Natal em Rio Paranaíba terminou de forma trágica. Um desentendimento na noite de sexta-feira (25) tirou a vida de um jovem de 24 anos em posto de combustíveis no bairro Universitário. Segundo as informações, a Polícia Militar foi acionada no Hospital, após uma pessoa ferida por golpes de faca dar entrada na unidade.

Testemunhas relataram que a vítima, de 24 anos, teria entrado no posto para calibrar os pneus de seu carro, ocasião em que o suspeito, de 22 anos, com quem possuía desavença antiga, também estava no estabelecimento.

Neste momento, segundo as informações, o suspeito foi ao encontro da vítima e os dois começaram a discussão. Em um dado momento, o suspeito teria sacado de um canivete e desferiu golpes contra a vítima, fugindo a pé pela rua lateral do posto. No momento do crime, de acordo com a PM, ele usava uma camiseta vermelha e calça jeans.

A vítima foi levada para o Hospital Municipal, onde recebeu os primeiros socorros da médica plantonista, a qual constatou que ele teve uma lesão no braço esquerdo e outra no peito. Devido a gravidade dos ferimentos, o jovem foi transferido para o Hospital Regional de Patos de Minas por uma ambulância, ainda consciente.

Mais tarde, no entanto, ele não resistiu e veio a óbito. Buscas estão sendo feitas para tentar localizar o suspeito, porém, até a publicação desta matéria, os policiais não tiveram sucesso. Este foi o segundo homicídio registrado em Rio Paranaíba em 2020.

Qualquer informação que leve ao paradeiro do suspeito, comunique a PM pelo 190 ou no 181.

ADVOGADO DO SUSPEITO SE PRONUNCIA

Na manhã deste sábado (26), o advogado de defesa do suspeito entrou em contato com a nossa redação informando que fez contato com a Delegacia de Plantão em Patos de Minas, para fazer o agendamento da apresentação do mesmo e que, na ocasião, foi informado pelo delegado de plantão, Dr. Bruno que não seria possível realizar a oitiva em razão de outras seis demandas de flagrantes a serem realizadas ao longo deste sábado.

Ele diz ainda que, o suspeito irá se apresentar à Justiça assim que for possível a recepção pela autoridade policial e que devido as circunstâncias do crime, o jovem pode ter agido em legítima defesa; que o suspeito não se furtará de suas responsabilidades, estando à disposição para comparecer à Delegacia da Polícia Civil a qualquer hora e data para prestar os esclarecimentos à autoridade policial.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. A responsabilidade dos comentários é integralmente de seus autores. Comentários que são considerados como spam ou ofensivos devem ser denunciados diretamente ao Facebook. O Patos Notícias se reserva ao direito de remover postagens que violem seus termos de uso ou as leis vigentes sem prévia notificação. 

NOTÍCIAS RELACIONADAS

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.