Denúncias levam a apreensão de pé de maconha e simulacro no Bairro Céu Azul

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
WhatsApp Image 2019-01-09 at 09.00.52
Foto: Divulgação (Polícia Militar/MG)

No final da tarde de terça-feira (08), durante policiamento no bairro Céu Azul, a PM recebeu informações anônimas de que em uma residência da Rua Waldemar Caixeta estava ocorrendo movimentação característica de usuários de entorpecentes e tráfico de drogas.

Na denúncia, foi relatado que a proprietária da residência foi morar em outro local devido a incidência de usuários, amigos de seu filho.

De imediato os militares deslocaram e abordaram na porta da casa o infrator de 19 anos e o questionaram sobre o uso de drogas.

Foi procedida buscas na residência com autorização de morador. Nada de ilícito foi encontrado, porém no quintal localizaram dentro de um vaso uma planta de maconha. O infrator de 19 anos assumiu a propriedade da maconha e disse que é usuário e dependente de maconha.

Durante os trabalhos na residência um morador local chamou um militar à distância na esquina e pedindo anonimato, relatou que ouviu comentários de que o infrator tinha em sua residência uma arma de fogo e que ele iria fazer umas paradas no bairro.

De imediato deslocaram à residência do infrator que é primo do jovem de 19 anos. Com sua permissão vistoriaram o quarto e encontraram escondida em um furo no colchão de sua cama um simulacro de arma de fogo/Airsoft.

Diante do fato apresentaram o material descrito e o infrator para demais providências.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS