Dentista morre após 13 dias em coma; polícia investiga o caso

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Uma dentista de 22 anos faleceu neste domingo (17) após 13 dias em coma. Ela estava internada em um hospital de Patos de Minas. Segundo informações da Polícia Militar, que registrou uma ocorrência, a moça teria sido socorrida em um hotel após sofrer convulsões.

A família chegou a realizar uma manifestação na última sexta-feira (15) pedindo justiça. Eles acreditam que a jovem tenha sofrido agressões.

A Polícia Civil, através do delegado Érico Rodovalho, está investigando o caso. O corpo foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) que deverá emitir um laudo com as causas do óbito.

Vários internautas utilizaram as redes sociais para lamentar a perda da jovem e pedir agilidade na investigação.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS