Demanda de energia pode crescer até 2,5% este ano, estima ministério

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A demanda por energia pode crescer entre 1,5% e 2,5% neste ano no país. De acordo com o Boletim Mensal de Energia, divulgado nesta segunda-feira (12) pelo Ministério de Minas e Energia, até março a oferta interna de energia cresceu 1,5%.

“Os indicadores de março de 2017, da produção industrial e de usos da energia, sinalizam pequena recuperação da economia”, diz o documento. Ainda segundo o boletim, a tarifa média nacional de eletricidade residencial recuou 6,1% até março. A tarifa comercial recuou 6,5% e a industrial caiu 7,2%.

A energia eólica deve responder por 6,6% da matriz de oferta elétrica de 2017. No ano passado, a força gerada por ventos representou 5,4% da matriz. A oferta de energia hidráulica acumulou alta de 7,6% até março, mas recuou 4,1% sobre fevereiro.

A produção de petróleo acumula alta de 14,4% até março, se comparado ao mesmo período de 2016. A produção de aço também acumula alta de 12,1%. Já a produção de biodiesel cresceu 3,5% em março.

 

Fonte: Agência Brasil

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.