Defesa Civil do Rio lança rede estadual de voluntários

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Agências e pessoas  que atuam de forma humanitária em casos de desastres no território fluminense poderão se integrar, a partir de agora, à Rede Estadual de Voluntários de Proteção e Defesa Civil. Batizado de Rede Salvar, o sistema foi lançado hoje (16), em solenidade no Quartel Central do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, na Praça da República, centro da cidade.

O evento reuniu cerca de 750 voluntários, de nove diferentes instituições. Estavam presentes grupos como a Cruz Vermelha Brasileira, a Legião da Boa Vontade, a organização não governamental (ONG) Save The Children, jipeiros, escoteiros e a Rede de Radioamadores, entre outros que atuam de forma humanitária.

- Continua depois da publicidade -

“Além de integrar, estamos capacitando esses voluntários. Imagine um jipeiro, por exemplo, que deseja ajudar em uma situação de desastre, mas não tem a orientação de onde deve se dirigir, de que forma ele pode auxiliar a Defesa Civil. Então, nós capacitamos eles com cursos de primeiros-socorros, de combate a princípios de incêndio e outras matérias de Defesa Civil”, explicou o subsecretário estadual de Defesa Civil, coronel Marcelo Hess.

Segundo o coronel Hess, essa é a maior rede de voluntários de Defesa Civil do Brasil. “Estamos criando uma grande teia de pessoas dispostas a colaborar em situações de desastres”, disse.

A Rede Salvar, hospedada em uma plataforma da internet (www.sistematica.info/redebravo), vai ser disponibilizada gratuitamente para todos os municípios fluminenses, funcionando como um ambiente de cadastro e gerenciamento do voluntariado no estado. Os voluntários poderão se cadastrar tanto para atuar em nível estadual quanto municipal.

A Secretaria de Defesa Civil considera, no entanto, que no plano estadual, a atuação deve ser preferencialmente dos voluntários ligados a instituições. Já os que se dispõem a colaborar individualmente devem atuar de preferência com os órgãos de Defesa Civil de seus municípios.


Problemas em visualizar essa matéria? Clique aqui e confira a íntegra.


Fonte: Agência Brasil

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -