De volta à Câmara, ministro do Esporte demonstra confiança na vitória de Temer

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Brasília - O ministro do Esporte, Leonardo Picciani, fala à imprensa após reunião no Palácio do Planalto sobre os Jogos Paralímpicos do Rio 2016 (Valter Campanato/Agência Brasil)

O ministro do Esporte, Leonardo Picciani,  disse que o governo tem segurança de que se trata de uma denúncia inepta, que não deve prosperarValter Campanato/Agência Brasil

O ministro do Esporte, Leonardo Picciani (PMDB-RJ), um dos dez a reassumir o mandato de deputado para participar da votação da denúncia contra o presidente da República, Michel Temer, no plenário da Câmara, disse nesta quarta-feira (2) que o governo tem segurança de que se trata de uma denúncia inepta, que não deve prosperar. Ele acrescentou que o governo tem a convicção de que o Congresso vai fazer esta análise com um número muito expressivo de parlamentares que não vão permitir o avanço da denúncia.

Sobre a necessidade dos ministros que são deputados voltarem à Câmara para ajudar o governo, Picciani explicou que foi uma decisão pessoal. “Foi uma decisão dos ministros que são parlamentares para dar demostração de confiança e unidade do governo nessa matéria.” O ministro do Esporte garantiu ainda que se não tivessem permanecido os suplentes que estavam no exercício do mandato também votariam com o governo.

Leonardo Picciani também comentou as reuniões do presidente Temer nos últimos dias com parlamentares e rebateu as críticas de que o governo estaria abrindo os cofres para contemplar pleitos de deputados. “Eu considero absolutamente improcedente essa queixa. É o chororô de quem não conseguiu o número [de votos] que esperava ter. O presidente sairá fortalecido e vai mostrar a solidez que governo tem”, destacou.

Dos 12 ministros com mandato de deputado, apenas o da Saúde, Ricardo Barros (PP-PR) e Raul Jungmann, da Defesa, que está no Rio de Janeiro, não voltaram à Câmara.

Fonte: Agência Brasil

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. A responsabilidade dos comentários é integralmente de seus autores. Comentários que são considerados como spam ou ofensivos devem ser denunciados diretamente ao Facebook. O Patos Notícias se reserva ao direito de remover postagens que violem seus termos de uso ou as leis vigentes sem prévia notificação. 

NOTÍCIAS RELACIONADAS

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.