Cursos a distância do Senac são oportunidade para aprimorar a carreira e turbinar o currículo em 2017

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Instituição oferece cursos em diversas áreas e modalidades. Para quem precisa de flexibilidade, o EAD permite estudar a qualquer hora e local quando conectado à internet.

Foto: Divulgação
Com o ano inteiro pela frente, iniciar uma formação ou aperfeiçoar o currículo é um objetivo para muitos. Afinal, que não quer aumentar as chances e ingressar no mundo do trabalho – cada vez mais competitivo e exigente? Diante do desafio profissional, o formato a distância tem se tornado uma excelente alternativa. Dada sua flexibilidade – cujos cursos podem ser acessados a qualquer hora de qualquer computador conectado à internet, cerca de 1,4 milhão dos 6,6 milhões de alunos matriculados no ensino superior já aderiu ao formato EAD em apenas 10 anos no País, segundo dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep).
Para este primeiro semestre, o Senac EAD oferece 12 opções de cursos na graduação e 26 na pós-graduação – dos quais quatro deles são lançamentos: Cloud Computing; Segurança da Informação; Inovação e Empreendedorismo em Negócios Turísticos Sustentáveis; e Gestão de Saúde. Há também 12 cursos para formação técnica e, para quem busca aperfeiçoamento em curta duração, há 200 opões de cursos livres. No formato WebTV, 36 títulos estão à disposição.
A procura pela formação profissional na instituição tem sido positiva. Segundo dados do Centro Universitário Senac, em São Paulo, a demanda pela graduação e pós-graduação, em 2016, foi mais intensa nas áreas de administração e negócios, tecnologia da informação, educação, meio ambiente e segurança do trabalho. Além disso, a procura tem sido mais acentuada no Sudeste, região com mais da metade dos estudantes inscritos, depois seguida pelas regiões Sul e Nordeste, que juntas correspondem com quase um quarto do alunado, e na sequencia o Centro-Oeste e Norte.
No ensino superior, a pós-graduação é uma das modalidades que mais atrai profissionais que buscam atualizar o currículo ou se especializarem em alguma área do conhecimento. E mesmo com cenário de crise econômica, a modalidade obteve incremento no Senac. “Houve crescimento de 8% no número de ingressantes na especialização na comparação de 2015 com 2016, enquanto que na graduação a quantidade foi estável”, afirma Alcir Vilela, gestor do ensino superior do Senac EAD. 
Alcir Vilela ainda aponta que o curso Docência no Ensino Superior, Gestão e Governança da Tecnologia da Informação, e Gestão da Segurança de Alimentos tem sido alguns dos principais destaques em termos de demanda na pós-graduação. “Enquanto que na graduação EAD, o Bacharelado em Administração de Empresas, o Ciências Contábeis e o Tecnologia em Gestão da Tecnologia da Informação despontam entre os principais cursos procurados”, aponta.
Um dos estudantes que fez parte desse número é a jovem Luara Fukomoto. Para ela, o ensino a distância sempre foi uma opção, de modo que se graduou em Tecnologia em Marketing pelo Senac EAD. E ela não parou por aí. “Trabalhei por alguns anos na área de commodities, em uma multinacional, quando saí resolvi cursar extensão em Gestão de Projetos Educacionais On-line, e agora faço especialização em Gestão do Relacionamento com o Cliente, também pelo Senac EAD”, conta. 
Os ganhos do estudante – para Luara, estudar a distância tem benefícios em vários sentidos. “Não passo horas me deslocando até a escola e de volta para casa, isso preserva minha disposição e saúde”, afirma. A estudante ainda diz que o EAD evita gastos extras com transporte e alimentação. E em termos de estudos, há possibilidade de rever, onde e quando quiser, as aulas gravadas em videoconferência, explica ela, e acrescenta: “O convívio com meus colegas e com profissionais de minha área eu mantenho por redes sociais, como Facebook e LinkedIn”.
Mas não é apenas o ensino superior que se apresenta como mais uma opção para a carreira. Cursos técnicos também têm ganhado espaço no mundo do trabalho a exemplos de Segurança do Trabalho, Transações Imobiliárias e Administração que foram alguns dos responsáveis pelo crescimento de 82% do alunado nos cursos técnicos de 2015 para 2016 no Senac. Já o Design de Interiores também tende a ser uma excelente escolha para este ano, conforme aponta um dos gestores da modalidade ante as oportunidades do mercado: 
“O Design de Interiores vem crescendo muito no Brasil, pois a construção civil está, continuamente, em processo de verticalização e suas construções, como apartamentos, cada vez são menores”, considera Sidinei Rossi, gestor de cursos técnicos do Senac EAD. Para ele, a tendência exige que o profissional capacitado seja contratado para aproveitar da melhor maneira os espaços, projetando ambientes multifuncionais. “Ninguém mais indicado que um designer de interiores para realizar essa tarefa”, considera.
Oportunidade na crise – com a diminuição dos postos de trabalho – há cerca de 12,3 milhões de brasileiros desempregados segundo o IBGE –, as pessoas buscam saídas em setores que continuam sólidos, como as áreas de saúde e beleza, mais resistentes da economia brasileira atualmente. Segundo o Ministério da Saúde, o envelhecimento da população é um dos fatores que alavanca a área e demanda profissionais capacitados.
Para esse cenário, o Senac oferta três cursos livres a distância para profissionais da saúde: Vendedor de Produtos e Serviços Ópticos, o Noções de Primeiros Socorros, que se trata de uma nova opção para este ano, além do Assistência na Atenção Integral ao Usuário com Diabetes Mellitus. Este último que integra a programação de cursos atende especificamente quem atua no atendimento de pessoas com diabetes. Hoje, acometidos pela doença representam 6,2% da população adulta, dado fornecido pela Pesquisa Nacional de Saúde do ano passado. 
“Levando em consideração a alta carga de morbimortalidade, a prevenção do diabetes e de suas complicações é atualmente prioridade de saúde pública”, afirma Daniella Farinella, responsável pelos cursos das áreas de ambiente e saúde, em Santa Catarina, do Senac. O objetivo do curso, complementa Daniella, é aprimorar a atuação profissional de forma a aprofundar os saberes científicos, técnicos e comportamentais sobre os cuidados assistenciais em relação ao usuário, família e comunidade com diabetes.
Os cursos livres do Senac EAD recebem entre 12 e 15 mil alunos por ano que se matriculam em uma das opções ofertadas em vários segmentos como idiomas, turismo, beleza, informática, hospitalidade, entre diversos outros. 
Organização de estudos – as aulas a distância, em todas as modalidades do Senac EAD, oferecem possibilidades para organização dos horários de estudo e acesso a todos os recursos do curso de qualquer computador ligado à internet ou uso de tecnologia mobile para acesso às informações. No formato, a troca de experiências entre alunos ocorre também por meio de ambiente virtual de aprendizagem colaborativo. 
Todos esses elementos positivos tornam a educação a distância uma alternativa ideal para aqueles que trabalham, têm compromissos familiares ou por alguma razão têm dificuldade de se deslocar diariamente. Além de flexibilidade e autonomia para estudar, os cursos EAD são em média 30% mais baratos, apresentando-se como uma oportunidade atraente para incrementar o currículo ou se recolar no mundo do trabalho neste ano. A programação completa dos cursos em todas as modalidades está disponível no portal: http://www.ead.senac.br/. 
Déborah Santos
Triângulo Notícias
28/03/2017

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -