CRIME: Policiais encontram galo morto após rinha

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

WhatsApp Image 2018-12-15 at 18.19.13
Foto: Divulgação (Polícia Militar/MG)

No último sábado (15) Policiais Militares Ambientais receberam denúncia que estaria ocorrendo rinha de galos em uma residência situada no bairro Natal em Ituiutaba.

Sendo assim, os militares ao chegar no local encontram oito pessoas ao redor de uma arena que continha dois galos, que apresentavam vários ferimentos.

Além disso, foi encontrado um galo já sem vida com ferimentos típicos de luta “briga”. Também foram encontradas biqueiras, buchas usadas nas esporas, uma seringa e uma fita isolante.

WhatsApp Image 2018-12-15 at 18.17.27
Foto: Divulgação (Polícia Militar/MG)

Vale ressaltar que a prática de rinha “confronto/luta” é Crime Ambiental de maus tratos descrito no artigo 32 da Lei Federal 9605/98 “ Lei dos Crimes Ambientais” e artigo 1°, VI da Lei n. 22.231/2016.

Foi lavrado Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) aos oito suspeitos de envolvimento no fato. Também foram apreendidos três galos, a arena e demais aparelhos usados na prática da rinha.

A Polícia Militar de Meio Ambiente também pede o apoio da população para que, quem tiver informação de crime ambiental em sua localidade, que faça a denúncia de forma consciente e com maior número de detalhes no número 181 (Disque Denúncia Unificado).

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
A responsabilidade pelo comentário é totalmente de seu respectivo autor. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos serão removidos automaticamente. Achou um comentário ofensivo? Clique em "denunciar".

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.