CPI da Copasa: Veradores fazem expedição pelo Rio Paranaíba

Intuito é identificar pontos de descarte de esgoto no rio.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Membros da CPI da Copasa fazem na manhã desta segunda-feira (05/07) uma expedição pelo Rio Paranaíba na parte que margeia a cidade de Patos de Minas. Os vereadores, membros do CODEMA, assessores e ambientalistas saíram do Parque Ecológico e devem percorrer o rio até a Ponte do Bigode. A expedição tem o apoio da Polícia Militar de Meio Ambiente e do Corpo de Bombeiros.

A presidente da CPI da Copasa, vereadora Professora Beth (DEM), disse que é importante os vereadores conhecerem “in loco” a real situação do Rio Paranaíba. Existem denúncias de pelo menos 15 pontos críticos de despejo de esgoto nas águas do rio.

O ambientalista, Wilson José da Silva, que fez a denúncia da CPI falou da importância desta expedição. Ele ressaltou que muitos vereadores não conhecem o rio. “Estamos discutindo no gabinete sem conhecimento”, ressaltou. O intuito é que os vereadores vejam os esgotos da forma que estão sendo jogados no Rio Paranaíba.

Wilson afirma que são mais de 15 pontos que ainda estão caindo no Rio Paranaíba. “A gente tem que chamar este pessoal (Copasa) para a responsabilidade, pois eles assinaram um documento/contrato com o município que iria tratar deste esgoto”, afirmou.

A expedição foi feita com auxílio de um barco do Corpo de Bombeiros e dois barcos da Polícia Militar de Meio Ambiente. O tenente Vinícius Morais da PMMA explicou que o intuito é dar um apoio aos vereadores a identificar estes pontos.

Participam da expedição o ambientalista Wilson José da Silva, o secretário do CODEMA (Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente), Ivanildo Alves Zica, assessores e os vereadores: Professora Beth (DEM), João Marra (Patriota), José Eustáquio (Podemos) e José Luiz (Podemos).

 

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.