COVID-19: Cadastro para vacinação dos profissionais da saúde é reaberto em Patos de Minas

As convocações serão por ordem cronológica de cadastro e ficam limitadas ao número de imunizantes disponíveis.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A Prefeitura de Patos de Minas reabre o cadastro para vacinação de trabalhadores da saúde a partir dessa sexta-feira (9/7). Isso porque o Governo de Minas Gerais enviou cerca de 1.500 vacinas para esse público, depois de receber solicitação oficial da Secretaria Municipal de Saúde. O pedido foi feito porque o município já havia recebido 100% das doses previstas inicialmente para esse grupo prioritário, mas faltavam pessoas para serem atendidas.

As convocações serão por ordem cronológica de cadastro e ficam limitadas ao número de imunizantes disponíveis. A definição de qual trabalhador pode efetivar a inscrição continua baseada no Ofício nº 234/2021/CGPNI/DEIDT/SVS/MS, de 12 de março de 2021. Portanto estão aptos a cadastrar-se no site patosdeminas.prefeituras.net os seguintes trabalhadores ainda não vacinados:

  • indivíduos que trabalham em estabelecimentos de assistência, vigilância à saúde, regulação e gestão à saúde, ou seja, que atuam em estabelecimentos de serviços de saúde humana, por exemplo: hospitais; clínicas médicas, odontológicas, de diagnóstico por imagem; ambulatórios; unidades básicas de saúde; laboratórios de análises clínicas; farmácias e drogarias;
  • profissionais que atuam em cuidados domiciliares (programas ou serviços de atendimento domiciliar/home car, cuidador de idoso, doula/parteira); funcionário de sistema funerário, lML e Serviço de Verificação de Óbito (SVO) que tenha contato com cadáveres potencialmente contaminados; acadêmico em saúde e estudante da área técnica em saúde em estágio hospitalar, atenção básica, clínicas e laboratórios;
  • trabalhador que atua nos estabelecimentos de serviços de interesse à saúde das instituições de longa permanência para idosos (ILPI), casas de apoio e cemitérios.

Em nova consulta ao Ministério da Saúde, a Vigilância Epidemiológica foi informada que não são prioritários os demais profissionais que atuam em estabelecimentos de serviço de interesse à saúde (academia de ginástica, clube, salão de beleza, clínica de estética, ótica, estúdio de tatuagem e estabelecimento de saúde animal, a contar os veterinários). Em relação a veterinários do IMA, a resposta foi que também não entram no grupo a vacinar-se no momento.

Documentos – Não é necessário anexar documentos no ato do cadastramento, pois eles serão verificados antes da aplicação da vacina. Além de documento com foto e CPF, o trabalhador deve apresentar documento que comprove o vínculo com estabelecimento de serviços de saúde e protocolo impresso do cadastro no Aprova Digital. São aceitos como comprovação: carteira ou contrato de trabalho; contracheque/holerite; pró-labore ou contrato social da empresa (se proprietário).

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.