Conselho Pró-Pequi abre novo edital de incentivo à produção de frutos do cerrado

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário (Seda) e do Conselho Diretor Pró-Pequi, abre novo edital para a seleção de três propostas para celebração de Termos de Fomento com organizações da sociedade civil (OSC). O primeiro edital foi publicado no mês de setembro deste ano e a lista com o resultado preliminar dos empreendimentos selecionados já está disponível neste link.

O novo edital, publicado no Diário Oficial de Minas Gerais, tem como objetivo financiar projetos de estruturação produtiva, beneficiamento e comercialização da cadeia produtiva dos frutos e produtos nativos do Cerrado e da Caatinga, fortalecendo assim a agricultura familiar e abastecendo os mercados institucionais.

- Continua depois da publicidade -

Além da aquisição de máquinas e equipamentos, o novo edital também prevê incentivo para compra de matéria prima de frutos do Cerrado e da Caatinga. O prazo para envio das propostas vai até o dia 3 de novembro de 2017 (sexta-feira).

Neste ano, o Conselho Diretor Pró-Pequi discutiu sobre os gastos do recurso existente na “Conta Recursos Especiais a Aplicar Pró-Pequi” e uma das deliberações foi o lançamento de editais que investissem nas agroindústrias familiares.

Este novo edital foi alinhado em conjunto ao Plano Mineiro de Desenvolvimento Integrado (PMDI), atendendo às demandas recebidas nos Fóruns Regionais de Governo, especialmente nos Territórios de Desenvolvimento localizados nos biomas do Cerrado e Caatinga, regiões do semiárido mineiro.

Cada um dos três termos de fomento receberão investimento de até R$ 167 mil.

Inscrições

Poderão participar deste edital as organizações da sociedade civil (OSCs) que se enquadrem no perfil proposto pelo edital. Clique aqui para acessar o documento na íntegra.

O horário para protocolização presencial de inscrições será de 8h às 17h, de segunda-feira a sexta-feira, no Protocolo Central da Cidade Administrativa, em Belo Horizonte.


Problemas em visualizar essa matéria? Clique aqui e confira a íntegra.


Fonte: AGÊNCIA MINAS

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -