Conheça a história da 1ª brasileira que disputou os Jogos Paralímpicos de Inverno

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Aline Rocha quer garantir a vaga para os Jogos Paralímpicos de 2020 (no atletismo) e 2022 (Esqui Cross Country). Em entrevista ela conta como consegue conciliar as duas modalidades.

A nossa entrevistada de hoje é a Aline Rocha, a brasileira que está se dedicando a duas modalidades. Aline, sofreu acidente aos 15 anos, durante uma viagem em família. Ela estava no banco de trás e usava cinto de segurança, mas o impacto da batida registrada, foi suficiente para fraturar a coluna, atingir a medula e deixar a jovem paraplégica.

Aline Rocha, odiava esporte, fugia da aula de educação de física, mas quatro anos após o acidente, conheceu uma associação esportiva especifica para pessoas com deficiência que conseguiu convence-la que tinha um porte para ser atleta de atletismo e menos de dois meses, já estava participando de sua primeira competição.

Desde então, a brasileira disputou importantes competições do atletismo, como o Pan de Toronto em 2015 e os Jogos Paralímpicos em 2016 onde terminou no Top 20 e foi um pouco depois dessa competição, que Aline Rocha quis conhecer o Esqui Cross Country.

A guerreira tinha pouco tempo para garantir a vaga para os Jogos Paralímpicos de PeyongChang e conseguiu! Aline Rocha foi a primeira mulher brasileira a disputar um Jogos Paralímpicos de Inverno, teve a honra de conduzir a bandeira na cerimônia de abertura e conseguiu resultados incríveis.

Conheça a história de Aline Rocha a mulher que está fazendo história no Esporte Paralímpico:


Clique aqui para ler essa matéria em sua fonte original.


FONTE: Portal Esporte Net

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS