CRISE  

Com vários bairros sem água, Falcão diz que multará a COPASA

A COPASA informou, em nota, que o abastecimento está normal neste domingo (12). No entanto, reclamações se multiplicam nas redes sociais.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Falta de água Patos de Minas domingo
Os fiscais foram as ruas neste domingo (12)
Foto: Divulgação

A prefeitura de Patos de Minas, através do PROCON Municipal, colocou fiscais nas ruas para verificar ocorrências de falta de água neste domingo (12). Foram pelo menos três bairros visitados: Alto Caiçaras, Chácara Caiçaras e Jardim Esperança. Em todos foi constatado falta de abastecimento.

Um morador do bairro Alto Caiçaras disse que está sem água desde quarta-feira (8). Ele relatou, aos Patos Notícias, que está tendo que ir para casa de parentes.

A reportagem procurou a COPASA neste domingo (12). Contraindo diversas reclamações, a companhia informou que “que o abastecimento da cidade de Patos de Minas está sendo feito normalmente”.

O prefeito municipal, Luís Eduardo Falcão (PODEMOS), disse, nas redes sociais, que aplicará uma multa contra a COPASA. “Minha obrigação é representar a população e jamais serei omisso. Determinei que amanhã cedo seja aplicada multa proporcional ao transtorno causado e ao faturamento da Copasa” escreveu no Twitter.

Segundo levantamento do Patos Notícias, há reclamações de falta de água nos seguintes bairros na tarde deste domingo: Alto Caiçaras, Chácara Caiçaras, Jardim Esperança, Nossa Senhora de Fátima, Alvorada, Campos Eliseos, Sorriso e condomínios Morada Nova e Terra Nova.

Na sexta-feira (10), o PROCON de Patos de Minas notificou a COPASA e estipulou que o abastecimento de água fosse totalmente restabelecido dentro de 24 horas. Também foi solicitada uma explicação formal da causa do problema e medidas corretivas. O prazo se encerrou às 18h de sábado (11). Conforme apurado, a companhia não respondeu a notificação. A empresa foi questionada, pelo Patos Notícias, sobre a notificação, mas não respondeu.

Crise da Falta de Água em Patos de Minas

O problema começou na quarta-feira (8) quando uma carreta bateu em um poste e interrompeu o abastecimento de energia elétrica na estação de captação do Rio Paranaíba, localizada no bairro Cidade Nova. Segundo a COPASA, as bombas ficaram paradas do meio dia até às 20h. Na estação não existe gerador próprio e a locação de um equipamento levaria até 24 horas.

A Estação de Tratamento de Água (ETA), localizada no bairro Lagoa Grande, ficou inoperante durante a tarde e a noite de quarta-feira (8). No dia seguinte (9), na medida que os reservatórios esvaziaram, as torneiras dos consumidores secaram. O aumento do consumo pelo calor excessivo (máxima de 37º C) contribuiu para o agravamento da crise.

Em coletiva de imprensa, na sexta-feira (10), a COPASA informou que trabalha para normalizar o abastecimento e que a população deve economizar água. A previsão é que o abastecimento seja totalmente restabelecido no domingo (12). A superintendente regional, Cristiane Carneiro, informou que o Rio Paranaíba está com um nível superior ao mesmo período de 2020.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores. Eles não representam a opinião do Patos Notícias. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos são removidos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.