Com R$ 7 milhões na conta, prefeitura se prepara para concluir canalização do Córrego do Monjolo

Projeto principal já está pronto e licitação será aberta em breve, anunciou Falcão ao Patos Notícias.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Córrego do Monjolo
Foto: Divulgação

O prefeito de Patos de Minas, Luís Eduardo Falcão (PODEMOS), confirmou ao Patos Notícias que a última parcela da indenização da Vale foi depositada pelo Governo Estadual nesta semana (30/06).

No total, Patos de Minas recebeu cerca de R$ 7 milhões decorrentes da reparação pela Tragédia de Brumadinho ocorrida em janeiro de 2019. O dinheiro será usado na conclusão da canalização do Córrego do Monjolo na Avenida Fátima Porto.

Falcão ressaltou que o processo está pronto e falta pequenos ajustes complementares. Neste segundo semestre de 2022 será feito um processo licitatório para a contratação da empreiteira.

Os R$ 7 milhões não serão suficientes para completar a obra e por isso o projeto será dividido em duas licitações. “O dinheiro não dá para fazer tudo, é menos da metade na verdade, mas vamos dividir a obra para licitar mais rápido, para não precisar de todo o dinheiro para começar. Mas pode ter certeza que vamos levantar o resto do dinheiro até o início de 2023” afirmou Falcão.

A previsão é que a primeira etapa seja iniciada no período da seca de 2023. “A licitação pode demorar de 90 a 120 dias, porém são vários fatores que podem atrasar ou adiantar o processo. Sendo realista, acho que iniciaremos na seca de 2023”.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

1 Comentário
O mais novo
Mais antigo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Só acho
01/07/2022 18:34

Vai começar a obra na época das chuvas novamente?

A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores. Eles não representam a opinião do Patos Notícias. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos são removidos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.