Com dinheiro na conta, ampliação do HRAD é oficializada entre estado e prefeitura

Em entrevista, Falcão voltou a reafirmar que projeto não é eleitoreiro e que a obra dificilmente começará antes de outubro.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O projeto de ampliação do Hospital Regional Antônio Dias (HRAD) foi oficialmente lançado nesta sexta-feira (01/07) em Patos de Minas. O Governo Estadual firmou convênio com a Prefeitura Municipal com investimento de mais de R$ 35 milhões.

R$ 20 milhões de reais já foram depositados na conta da prefeitura. O restante, cerca de R$ 14 milhões, serão enviados nos próximos dias. A prefeitura abrirá um processo licitatório para contratar a empreiteira. A estimativa é que o processo burocrático dure cerca de seis meses. Depois da contratação, a previsão é que as obras durem entre dois e três anos.

O Secretário Estadual de Saúde, Fábio Baccheretti, informou que com a ampliação será possível aumentar a quantidade de cirurgias, sobretudo ortopédicas. Também ressaltou que os trâmites para a volta da oncologia e da cardiologia estão em curso.

Durante entrevista, Falcão ressaltou que boa parte do dinheiro já está na conta da prefeitura e que não se trata de um anúncio eleitoreiro. “Essa obra dificilmente começa antes das eleições. Então o intuito não é eleição e sim atender a população”. Assista:

Ampliação do HRAD de Patos de Minas
Foto: Lélis Félix (Patos Notícias)

Vários políticos de Patos de Minas e da região estiveram no HRAD para acompanhar o lançamento. Ao final, ele tiraram uma fotografia e alguns gritaram “reeleição de Zema”.

Depois da cerimônia, a assessoria de imprensa divulgou um vídeo gravado pelo governador Romeu Zema. Nele, ele explica o convênio firmado e os benefícios que serão trazidos para os 33 municípios que integram a macrorregião noroeste.

O PROJETO

A área a ser construída é de 7.474,66 m²:

– 1º pavimento ou pavimento térreo: recepção e Banco de Leite;
– 2º pavimento: centro cirúrgico;
– 3º pavimento: UTI adulto;
– 4º pavimento: centro obstétrico e PPP;
– 5º pavimento: UTI neonatal;
– 6º pavimento: administração.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores. Eles não representam a opinião do Patos Notícias. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos são removidos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.