Colisão entre carreta e ônibus deixa três mortos e 30 feridos na BR-265

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Três morreram e 30 ficaram feridos, segundo PMR. Vítimas fatais ainda não foram identificadas.

Acidente entre ônibus e carreta deixou três mortos e 30 feridos na BR-265 em Barbacena 
Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Três pessoas morreram e 30 ficaram feridas após uma colisão entre um ônibus e uma carreta na BR-265, em Barbacena, no Campo das Vertentes, por volta das 16h deste domingo (14). A ocorrência ainda está em aberto porque os dois homens e a mulher que morreram ainda não foram identificados. A expectativa é que a identificação ocorra nesta segunda-feira (15) no Instituto Médico Legal (IML) de Barbacena, para onde os corpos foram encaminhados.
De acordo com a Polícia Militar Rodoviária (PMR), o motorista da carreta, com placa de Arcos (MG) que estava carregada com cimento a granel, contou que perdeu o freio quando estava descendo o trecho de serra, não conseguiu fazer a curva e invadiu a contramão.
Ainda segundo o condutor da carreta, o motorista do ônibus, que saiu às 15h de São João del Rei com destino a Barbacena, tentou desviar, mas houve a batida na lateral. O ônibus e a carreta tombaram à margem da rodovia, na altura do Km 214.
O Corpo de Bombeiros informou que alguns passageiros foram resgatados porque ficaram presos às ferragens. Segundo a PMR, dos 38 ocupantes do ônibus, três tiveram ferimentos graves e 27 ferimentos leves. Eles foram socorridos por ambulâncias do Corpo de Bombeiros e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e da Prefeitura de Barbacena para o Hospital Regional em Barbacena. O motorista da carreta não teve ferimentos.
Quando o Registro de Evento de Defesa Social (Reds) do caso for concluído será enviado para a Delegacia de Trânsito de Barbacena, segundo a PMR.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -