CICC Móvel reforça segurança de mais de 60 mil torcedores na Final da Copa do Brasil

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Mais de 60 mil torcedores cruzeirenses e flamenguistas que acompanham a decisão da Copa do Brasil na noite desta quarta-feira (27/9), no Mineirão, contam com o reforço da superestrutura de segurança do Centro Integrado de Comando e Controle Móvel (CICC Móvel), que irá contribuir com as ações de segurança durante a disputa pelo título.  

O CICC Móvel é uma espécie de carreta com tecnologia de ponta, que possui estações de trabalho, acesso à internet e câmeras de grande alcance, possibilitando o acesso aos diferentes sistemas de segurança e auxiliando na tomada de decisões rápidas e estratégicas, de forma integrada. A estrutura será instalada às 18h, na Praça Francisco de Assis, próximo à Igrejinha da Pampulha, onde permanecerá até a finalização do evento.

No local, trabalharão, de forma conjunta e articulada, representantes da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros, da Polícia Civil, Guarda Municipal de Belo Horizonte, Sistema Socioeducativo, Sistema Prisional, Coordenadoria de Integração de Inteligência de Segurança Pública da Sesp- CIISP, BHTrans, Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) e do sistema de fiscalização da Prefeitura de BH.

A ação é coordenada pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), por meio da Comissão de Monitoramento da Violência em Eventos Esportivos e Culturais (Comoveec).

O coordenador estratégico da Subsecretaria de Integração da Sesp, Leandro Almeida, que integra a comissão, conta que com o CICC Móvel “é possível realizar o acompanhamento do evento através de imagens do sistema de videomonitoramento, propiciando a solução imediata de problemas e imprevistos que possam comprometer a segurança e a mobilidade de motoristas e transeuntes”.

Na estrutura será concentrada a recepção de todas as informações do perímetro, e imagens do entorno do Mineirão, que serão transmitidas internamente e distribuídas às instituições envolvidas, incluindo o Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR), instalado na Cidade Administrativa, e o Centro de Operações da Prefeitura de Belo Horizonte (COP-BH).

Para permitir que a partida ocorra com tranquilidade, o efetivo das polícias civil e militar e do Corpo de Bombeiros também será reforçado no entrono do Gigante da Pampulha e na capital. 


Problemas em visualizar essa matéria? Clique aqui e confira a íntegra.


Fonte: AGÊNCIA MINAS

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS