Chuvas: veja os pontos críticos de Patos de Minas e região

Em alguns locais o Rio Paranaíba já atinge residências. Patos de Minas está em situação de emergência desde sábado (8).
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A situação de risco devido as chuvas dos últimos dias se agravou neste domingo (9). A Polícia Militar emitiu orientações para a população de Patos de Minas e região.

Quem estiver em risco ou perceber sinais de deslizamento, de desmoronamentos ou de alagamentos deve entrar em contato com a Defesa Civil (199), Corpo de Bombeiros (193) ou Polícia Militar (190).

Veja a seguir os principais pontos de atenção:

Patos de Minas

Não há nenhuma interdição de ruas ou de avenidas dentro do perímetro urbano, contudo alguns pontos são sensíveis:

Ponto do Arco/Rio Paranaíba: elevado nível do rio, nove metros acima do normal. Curiosos devem tomar cuidado e não se aproximar da margem, sob risco de queda e afogamento.

Jardim Paulistano e Vila Rosa: transbordamento do Rio Paranaíba. Alguns imóveis começaram a ser invadidos pela água.

Santa Luzia: transbordamento do Rio Paranaíba. Alguns imóveis já foram atingidos na Rua Pontaporã. Uma empresa de Laticínios também foi atingida. Há grande risco de transbordo na Avenida Vitória (Marco da escadaria da Santa).

Copacabana: elevado nível de água, sem risco de inundação de imóveis.

FOTOS

O repórter Igor Nunes percorreu alguns pontos no início da tarde deste domingo. Confira as fotos:

Ponte do Arco:

Vila Rosa:

Santa Luzia:

Situação Regional

Distrito de Beira Rio – São Gonçalo do Abaeté

Ponte que liga as localidades de Beira Rio a Pontal do Abaeté, apresenta vários danos devido as chuvas. Trânsito liberado, mas é necessário atenção, principalmente em caso de chuva forte.

São Gotardo

No sábado, uma ponte no perímetro urbano foi interditada, local segue fechado, população deve buscar rotas alternativas.

Rio Paranaíba

Neste domingo aconteceu um deslizamento de terra no km 43 da MG-230, entre Rio Paranaíba e Serra do Salitre. O local está sinalizado com cones e o motorista deve redobrar a atenção.

Carmo do Paranaíba

Interdição parcial do km 80 da LMG 743. Trabalhos de limpeza tem sido ineficientes já que a terra se movimenta. População deve ter cuidado ao passar pelo local.

Lagoa Grande

Neste domingo, a ponte do Córrego dos Porcos, que liga Lagoa Grande a Vazante, foi interditada. Enchente levou parte do aterro. Orienta-se que a população evite esta estrada e tome como alternativa a MGC 354.

Presidente Olegário

Há lama na pista na altura do km 165 da MGC-354. Os motoristas devem redobrar a atenção ao passar pelo local.

Guimarânia

Erosão na Avenida Amazonas, próximo a ponte do Córrego da Louca. A avenida foi interditada.

Na LMG 737, entre Guimarânia e Cruzeiro da Fortaleza, houve erosão. O local foi sinalizado com cones e ainda está sendo possível o tráfego, mas motoristas devem ter atenção.

Cruzeiro da Fortaleza

Rompimento da ponte na zona rural, próximo a comunidade do Jacu. A estrada está interditada. Motoristas devem buscar rotas alternativas.

Monte Carmelo

Apenas estradas vicinais danificadas, intransitáveis. População deve evitar o trânsito nas vias rurais.

Coromandel

O Ribeirão Santo Antônio do Bonito está transbordando. A ponte da estrada da Rocinha, Mateiro e Pântano está intransitável. Motoristas devem buscar rotas alternativas.

O Córrego das Lajes transbordou na ponte da estrada entre Coromandel e Pântano. Há tráfego apenas de veículos de grande porte. No geral, população deve evitar as estradas rurais.

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Comments System WIDGET PACK

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade é integral do autor de cada comentário. Comentários ofensivos podem ser removidos sem autorização prévia. Ao comentar, você concorda com a Polícia de Privacidade e Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.