Centro de Controle de Zoonoses inicia a Campanha de Vacinação Antirrábica em Patos de Minas

A campanha irá percorrer toda a área rural do município até o início de outubro. Em Patos de Minas, a vacinação acontece no mês de agosto.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Reprodução

O Centro de Controle de Zoonoses começou na quinta-feira (22), na região de Bom Sucesso, a campanha de vacinação antirrábica 2017, com o foco em animas domésticos. Três equipes irão percorrer, de casa em casa, a região para realizarem os serviços de vacinação dos animais e, assim, prevenção da doença.

De Bom Sucesso, nesta primeira fase da vacinação, os seis agentes deverão passar pelas regiões de Santa Maria, Major Porto, Areado e Pindaíbas, Posses do Chumbo, Abelha, Café Patense e suas adjacências. A vacinação em Patos de Minas está agendada para o mês de agosto.

- Continua depois da publicidade -

De acordo com o diretor do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), Clério dos Reis Magalhães, a doença é transmitida pela saliva dos animais contaminados. “A raiva é passada, principalmente, pela mordida dos animais doentes, sejam eles cães ou gatos”, ressaltou.

Foto: Divulgação

A doença é perigosa e precisa de atenção e prevenção. A preocupação do Governo Municipal é de que a doença não se instale em animais em Patos de Minas, visto que ela também pode ser transmitida para as pessoas, causando a raiva humana.

De acordo com dados do Ministério da Saúde de 2017, no Brasil, houve dois casos confirmados de raiva humana nos estados de Tocantins e Bahia. Em Minas Gerais, até o momento, não houve casos de raiva canina e nem felina registrados. A Prefeitura Municipal trabalha com agilidade, visando à erradicação da doença.

ASCOM – Prefeitura de Patos de Minas

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -