Casos de COVID-19 aumentam e impacto já é sentido na UPA de Patos de Minas

Pacientes reclamam de dor de garganta, febre e indisposição. Prefeitura ainda não divulgou números oficiais do feriado, mas pediu que população siga os protocolos de prevenção.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
UPA de Patos de Minas
Registro feito na noite de terça-feira (24/05) na UPA de Patos de Minas
Foto: Igor Nunes (Patos Notícias)

O número de novos casos de COVID-19 continuam em elevação em Patos de Minas. Um levantamento do Patos Notícias, com base nos dados da Secretaria Municipal de Saúde, mostrou que entre 8 e 14 de maio houve uma elevação de 163% nas infecções. Posteriormente, entre 15 e 20 de maio, um crescimento de 51%.

Entre sábado (21) e terça-feira (24), a reportagem tomou conhecimento de uma elevação no número de atendimentos por COVID-19 na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Patos de Minas. Duas fontes anônimas informaram que anteriormente os casos de dengue eram maioria, contudo o cenário está mudando. “Agora que são 9h da manhã e já atendi uns 15 casos positivos de COVID” disse um dos médicos a reportagem.

Na noite de terça-feira (24), o Patos Notícias esteve na UPA e encontrou a unidade lotada. Pacientes reclamaram que não havia nenhum isolamento entre quem tinha sintomas da COVID-19 e aqueles que buscavam atendimento por outros motivos. A demora também foi outra reclamação. “Eu cheguei aqui por volta das três da tarde e só fui atendida agora a pouco” disse uma senhora que foi chamada ao consultório por volta das 20h30 após aguardar cerca de cinco horas.

Sem lugar para sentar muitos faziam rodizio nas cadeiras. Já outros preferiram ficar do lado de fora com medo do contágio pela COVID-19.

Procurada a prefeitura de Patos de Minas disse que ainda não tem dados consolidados dos casos de COVID-19 durante o feriado prologado. Também reconheceu que houve uma aumento na demanda por atendimento na UPA, mas não especificou por quais doenças.

Sobre a separação de pacientes comuns daqueles com sintomas gripais, a prefeitura informou que a maioria da população já está vacinada com três doses e que a COVID-19, na maioria dos casos, tem gerado apenas sintomas leves.

Por fim, a prefeitura recomendou que a população siga os protocolos de higienização (lavagem das mãos e uso de álcool) e o uso de máscara. Em 5 de maio, o prefeito Luís Eduardo Falcão (PODEMOS), assinou decreto e revogou a obrigatoriedade do uso do dispositivo em todos os ambientes do município, abertos e fechados – incluindo estabelecimentos de saúde. Em Minas Gerais, Romeu Zema (NOVO), também acabou com a obrigatoriedade em todos os ambientes.

Leia a íntegra da nota da prefeitura de Patos de Minas:

Dependemos de os laboratórios soltarem os dados, não os temos em mãos no momento.

Sobre o tempo de atendimento e casos de Covid-19 na Upa:

-a demanda do final de semana e feriado foi alta, aumentando o tempo de espera para os atendimentos;

-não há separação de pacientes com sintomas respiratórios, visto que a maioria da população está vacinada com a terceira ou quarta dose, e os casos confirmados apresentam em sua maioria sintomas leves;

-reforçamos a importância de a população seguir os protocolos de higienização, como lavagem das mãos, uso do álcool e máscara, para conter a contaminação não só pela Covid-19, mas por outras doenças respiratórias, o que é comum nesta época do ano.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

5 Comentários
O mais novo
Mais antigo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Elio Simao
26/05/2022 12:56

Precisam liberar a vacinação pra quem tem mais de 5 meses da última dose. E não somente pra quem tem acima de 60 anos.

Observador
25/05/2022 19:19

Não é obrigatório, mas não é proibido usar máscara em nenhum ambiente. Se não concorda é só usar. #ficaadica

Atenção
25/05/2022 15:42

Só aguardar pra ver ,muito precoce o “uso de máscara ” não obrigatório principalmente em escolas ,em Betim já se sente, nas escolas voltou a ser obrigatório ,aqui só aguardar ,só que estão esperando a coisa ficar feia pra fazer o certo né !e em postos tem muitas crianças com covid só fazer levantamento pra ver!

Cidadão indignado
25/05/2022 15:40

Prefeitura pede pra seguir os protocolos ? Nem ela mesmo segue , festa com milhares de pessoas sem máscaras em praça , depois querem vir fechar nos comércios , me poupe .

Roberto
Responder a  Cidadão indignado
25/05/2022 18:42

Para seguir quem tá com os sintomas

A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores. Eles não representam a opinião do Patos Notícias. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos são removidos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.