Carreta carregada de MDF pega fogo na BR-153

O trânsito ficou interditado e foi posteriormente liberado pela PRF.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Carreta carregada de MDF pega fogo e interdita BR-153
Foto: Divulgação (Corpo de Bombeiros/MG)

Na manhã da última terça-feira (30), o 2º Pelotão de Bombeiros Militar de Ituiutaba foi acionado para combater as chamas em uma carreta na BR-153, km 53, sentido Goiás.

Segundo o motorista, a carreta que se encontrava carregada de MDF começou a pegar fogo no cavalo da carreta. O próprio motorista tentou apagar o fogo com o extintor de incêndio da carreta, porém sem sucesso.

- Continua depois da publicidade -

O incêndio gerou grandes labaredas de fogo, além de muita fumaça na rodovia, sendo necessário que a PRF fechasse as duas pistas da rodovia para o trabalho dos bombeiros e evitar acidentes.

A guarnição de Bombeiros chegou ao local do incêndio, e com o apoio de caminhões-pipa, tanto da Concessionária da rodovia quanto de usinas próximas e da prefeitura de Canápolis, realizou o combate as chamas até debelar o incêndio por completo.

Mesmo durante a atuação, foi possível liberar uma faixa de cada pista para que o fluxo de veículos pudesse descongestionar.

Apesar da extinção das chamas, o trabalho de rescaldo da carreta foi demorado, tendo em vista a carga de MDF, que tornou-se brasa pelo acúmulo de calor.

Após horas de combate as chamas e o rescaldo, tanto o fogo quanto a fumaça foram extintos, liberando o fluxo normal da rodovia. Mesmo com a extensão do incêndio, ninguém ficou ferido.

O Corpo de Bombeiros orienta a população que o extintor de incêndio veicular deve ser utilizado em princípio de incêndio, não sendo eficaz em incêndio de grandes proporções. Quanto antes for realizado o contato via 193, mais rápido os Bombeiros chegarão ao local, evitando maiores danos.

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -