Homem morre após ser prensado entre porta e árvore

O veículo teria desengatado, descido de ré e batido em uma árvore.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Carmo do Paranaíba: Homem morre após ser prensado entre porta e árvore
Foto: Divulgação (Polícia Militar/MG)

Um homem de 55 anos morreu após ser prensado entre a porta de um carro e uma árvore. O acidente aconteceu na noite da última terça-feira (27/08) na zona rural de Carmo do Paranaíba.

De acordo com a Polícia Militar, o motorista da caminhonete, Fiat/Strada, narrou que ele e a vítima estavam trabalhando e ao retornar pararam em uma estrada vicinal. Um mata-burro estava com problema estrutural, as tábuas haviam saído do lugar, e isso impossibilitou a travessia do veículo.

- Continua depois da publicidade -

O motorista então desembarcou e foi recolocar as tábuas. O passageiro ficou dentro da caminhonete e em determinado momento teria gritado e avisado que iria ajudar o amigo a concertar o mata-burro. No momento que ele desembarcou, o veículo teria desengatado, desceu de ré e atingiu uma árvore.

A vítima teria ficado prensada entre a porta do veículo e uma árvore. O motorista disse que colocou a vítima novamente na caminhonete e seguiu até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em Carmo do Paranaíba. Geraldo Ferreira, de 55 anos, não resistiu aos ferimentos e faleceu.

Homem morre após ser prensado entre porta e árvore
Foto: Divulgação (Polícia Militar/MG)

Uma ocorrência foi registrada pela Polícia Militar. Além de colher a versão da testemunha, os policiais retornaram ao local e verificaram marcas de sangue no tronco da árvore e o mata-burro com as tábuas soltas.

O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal de Patos de Minas e em seguida liberado para velório e sepultamento. A Polícia Civil poderá investigar o caso.

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -