Candidatos questionam processo seletivo da prefeitura de Patos de Minas

Após serem constatadas irregularidades, primeira lista de classificação foi cancelada. Candidatos eliminados ficaram indignados.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Igor Nunes

Os candidatos que participaram do processo seletivo de cadastro reserva para agentes de saúde de Patos de Minas questionam a desclassificação. Na última quarta-feira (20/07), os eliminados procuraram o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) e o Patos Notícias.

Os candidatos alegaram que realizaram a prova e foram aprovados numa primeira classificação. Crentes que conseguiriam a vaga, eles até fizeram um curso preparatório. O sonho mudou de rumo quando a prefeitura divulgou uma segunda lista diferente da primeira.

Os participantes alegaram que dedicaram dois finais de semana para o curso, mas acabaram eliminados na sequência. O motivo principal seria a divergência de endereços dos candidatos. A justificativa é que a pessoa deve residir na área de abrangência de cada unidade de saúde.

Indignados, os candidatos citam até prejuízos financeiros, já que pagaram a taxa de inscrição e os custos do curso preparatório. Além disso, citaram que o edital foi alterado várias vezes, o que causou desencontro de informações.

A prefeitura informou que o edital sempre mencionou que era obrigatório o candidato residir na área da unidade de saúde. Também citou que mesmo após a admissão/classificação, o candidato está sujeito a eliminação caso se verifique divergência nos dados e nos documentos apresentados.

Sobre a nova convocação, a prefeitura esclareceu que identificou irregularidades e notificou a empresa responsável pelo processo seletivo. Por fim, uma nova lista foi divulgada e a anterior cancelada.

Confira a íntegra da nota:

Em relação ao processo seletivo para agente comunitário de saúde, a Prefeitura de Patos de Minas esclarece:

  • o processo seletivo foi regido conforme instruções do Edital nº 04/2022 que traz, dentre outras informações, as funções a serem providas e os locais de atuação;
  • no caso da função de agente comunitário de saúde, está explícito no item 1.3 que é imprescindível que, desde a data de publicação do edital, o candidato à vaga de ACS resida na área da comunidade em que pretenda atuar;
  • ainda de acordo com o edital, o disposto no item 1.3 supramencionado está entre os requisitos para contratação, devendo tal condição ser comprovada junto ao Departamento de Recursos Humanos da prefeitura. O documento estabelece também que “a inexatidão das informações ou irregularidade nos documentos apresentados na convocação, mesmo que constatadas após a contratação, acarretarão processo administrativo visando à nulidade do provimento da vaga, sem prejuízo de outras medidas” (item 13.5);
  • o processo seletivo foi regido pela Omni Concursos Públicos Ltda., ficando sob a responsabilidade da empresa toda a organização da seleção, desde a aplicação das provas objetivas até a realização do curso de formação introdutória e divulgação do resultado final;
  • após verificação do não cumprimento de alguns dos critérios estabelecidos no edital, a Prefeitura de Patos de Minas notificou a empresa responsável pela organização do processo seletivo e, com respaldo no item 13.5, tornou sem efeito as convocações realizadas com base na lista de classificação;
  • de acordo com a notificação feita pela administração municipal, a Omni tem o prazo de 48 horas para apresentar nova classificação para o cargo de agente comunitário de saúde conforme o que dispõe o edital.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

41 Comentários
O mais novo
Mais antigo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Cd_falcao
22/07/2022 03:51

Mano fiz a prova passei em segundo lugar para meu bairro que resíduo a 24 anos e fui desclassificado por entrega um comprovante de residência “atualizado” procurei prefeito e vereadores disseeram que era o edital enfim calote

Flávia Silva
Responder a  Cd_falcao
22/07/2022 07:24

Corre atrás dos seus direitos

Rosinha
21/07/2022 22:41

Estou aqui pensando porque o Senhor prefeito não usou o drone da prefeitura que foi usado para fotografar todas as casas pra fazer as cobranças do IPTU, ao invés de deixar quem não tem competência nem uma verificar esses endereços e fazer essa bagunça e passar uma imagem da prefeitura de ma administração .

Marluce
21/07/2022 21:08

No edital fala área da comunidade ,n fala
que temos que mora no bairro., área pode abrangir vários bairros adjacentes, a OMNI tinha ter colocado mais específico,muitas que eles desclassicaram moram no bairro que fez , então senhor Prefeito da uma olhada nos erros que cometeram , sei que o senhor e justo.

Rosinha
Responder a  Marluce
21/07/2022 21:43

Estamos esperando Senhor prefeito o Senhor e Ommi corrigir esse erro.

Indgnada
21/07/2022 19:00

Beleza e os bairros que não teve agente de saúde classificado? Vão continuar desassistidos? Qual a posição da prefeitura para estes casos?

Rosinha
Responder a  Indgnada
21/07/2022 19:58

Ai então como fica Senhor prefeito?

Meire Camargos
21/07/2022 17:42

Houve erros da Ommi e também da prefeitura que não olharam os endereços certos por favor olhem no Google a localização certas das residências de cada um e vão que a Ommi cometeu um grande erro

Atualizado em 17 dias atrás por Meire Camargos
Rosinha
Responder a  Meire Camargos
21/07/2022 18:06

Verdade a Ommi não conhece a nossa cidade e olhou simplesmente por alto nos comprovantes de residência e cometeu um grande erro por favor olha aí no Google as
localizaçoes das residências verifica isso
aí Senhor prefeito olha na conta do IPTU na conta do IPTU o nome bairro está escrito certo

Flávia Silva
Responder a  Meire Camargos
21/07/2022 18:30

Verdade por favor conferem ai os endereços direito Senhor prefeito não deixa quem não conhece a nossa cidade cometer esse erro não vai ficar muito feio pro Senhor nas próximas eleições.

Rosinha
Responder a  Meire Camargos
21/07/2022 22:44

E só o prefeito usar o drone da prefeitura e ver que quem passou no concurso está com o endereço certo .

Justiça
21/07/2022 17:02

No item 1.3 do Edital deixa claro que é a área de atuação da comunidade, tem gente que passou pro bairro Itamarati mais que mora no Alvorada e foi desclassificada, porém o Alvorada é área do Itamarati e portanto se faz presente na área de atuação. É esse o erro da Omni e da Prefeitura. E são mais de 40 pessoas entrando com liminar na justiça pra provarem esse erro.

W.daniel silva
21/07/2022 16:57

Esses concursos públicos são escusos e de má índole , conheço uma moça que passou em primeiro lugar e foi desclassificada gastou dinheiro emprestado pra fazer os exames ,e um detalhe, ela mora na casa do namorado dela na área do posto,só porque os pais não mora na época da inscrição eliminaram ela uma injustiça, mas vão ser processado com certeza,a pessoa se dedica e tem sonhos frustrados por regras que ferem a constituição brasileiro o direito de residência onde quiser !

Tiazinha
21/07/2022 16:44

Acho que se já começou errado,a prefeitura tem que assumir e pessoas gastaram tempo e dinheiro e passaram no concurso,tem uma moça que passou em primeiro lugar geral e nem tomou posse,Falção um olha isso,são pessoas que se dedicaram e merecem o que conseguiram,que seja dada a elas o direito de exercer o cargo,qtas pessoas moram em bairros diferentes e estão trabalhando,justiça é o que elas merecem.

Elizabeth
21/07/2022 16:36

Pilantragem dessa prefeitura eles fizeram elas pagar exame aqui em Patos de Minas cheio dessas falcatruas roubalheira falcão ainda vem dizer aqui cheio de emprego nem os que a pessoas vai e passam eles barram

Cristina
21/07/2022 16:24

Empresa despreparada ,qual critério foi usado p citar essas irregularidades, como foram q eles constataram essa divergência de endereços, foram nas casas das pessoas??? Estão prejudicando um punhado de gente precisando trabalhar, não é simplesmente desclassificar as pessoas, tem q mostrar provas q elas não moram na área de abrangência da unidade de saúde e dá pelo menos o direito delas recorrerem, na esperança q o prefeito tome providências..

Rosinha
Responder a  Cristina
21/07/2022 22:16

Essa é a pura verdade por favor Ommi olha direito esses endereços e chega de prejudicar quem esta querendo trabalhar e quem está no seu direito isso foi mérito de quem conseguiu passar no concurso.

Alguém
21/07/2022 15:53

Se a prefeitura contratou uma empresa que não sabe trabalhar a culpa não é dos candidatos, fizeram os eles de bobo, não verificou os documentos no momento certo e depois de ter sido homologado o processo eles voltam atrás e simplesmente desclassifica os candidatos!?
Todos os prejudicados tem que ir à justiça, entrar com processo contra a prefeitura e essa empresa ridícula.

Rosinha
Responder a  Alguém
21/07/2022 17:49

Pior que essa empresa não conhece a nossa cidade e desclassificou muito gente que mora no bairro mesmo mais só olharam simplesmente um erro da copasa ou comig não olharam a conta do IPTU que fala o nome bairro certo vê isso aí direito Falcão pra não dá mais problemas.

Amigo da natureza
21/07/2022 15:26

Gostaria de saber a prefeitura irá fazer com os Agentes que estão trabalhando que não reside no posto que trabalha. Justiça tem ser para todos eles também estão errados e ai a prefeitura vai fazer vãi manda embora tambem.

Atualizado em 17 dias atrás por Amigo da natureza
Verdade
Responder a  Amigo da natureza
21/07/2022 15:45

A inveja exalando do seu corpo! Pq ao invés de vc lutar pelo seu vc quer prejudicar os outros?! O universo conspira a favor de quem não conspira contra ngm! Não precisa apagar a luz do outro pra acender a sua não colega! Vcs erraram agora se virem. Não consegue nem ler o edital direito e quer trabalhar com pessoas.

Vizinha
Responder a  Verdade
21/07/2022 16:35

Eu já até imagino quem seja a dona desse comentário .Por onde anda causa discórdia.Um pessoa ruim ,sem caráter ,que todo bairro conhece .E está errada em reclamar pois não mora na área mesmo.

Tiao carreiro
Responder a  Amigo da natureza
21/07/2022 15:52

As pessoas mudam de residência invejosa!

Rosinha
Responder a  Amigo da natureza
21/07/2022 17:43

Boa pergunta

Pirilampo da Silva
21/07/2022 15:26

Que empresinha concurseira burra heim? Não leu as exigências antes, depois de divulgar resultados errados não tem como remendar não. Esses prejudicados podem e devem ir à justiça. E queimou o filme da prefeitura.

Anna Souza
Responder a  Pirilampo da Silva
21/07/2022 15:49

Burro na verdade é quem fez a prova sem ler o edital e ainda vem reclamar de uma coisa que estava escrito com todas as letras e disponível pra qualquer um que quisesse ler

Pirilampo da Silva
Responder a  Anna Souza
21/07/2022 15:54

A matéria é clara, houve divulgação de resultado errado. Isso não é culpa de quem fez o concurso.

Tiao carreiro
Responder a  Anna Souza
21/07/2022 21:11

Exatamente! Tava bem explícito no edital que o Agente de Saúde deve residir na área da comunidade em que for atuar. Acontece que, os bairros não são atualizados como são “chamados” pela população. Um exemplo: não “existe” bairro Lanjeiras (laranjeiras é o loteamento) então dessa forma o bairro é Cerrado que é o que vem no comprovante de residência e assim acontece com a maioria dos bairros. Na hora da inscrição deveriam ter se atentado ao que vem no comprovante de residência! Porque pela prefeitura não tem nada atualizado e está uma bagunça. Não concordo em algumas situações (porque alguns… Ler mais...

Rosinha
Responder a  Pirilampo da Silva
21/07/2022 17:53

E ficou muito feio mesmo pra prefeitura

A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores. Eles não representam a opinião do Patos Notícias. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos são removidos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.