Cadastro da xepa da vacina começa nesta terça-feira (27)

Falcão sancionou a lei sobre a destinação da sobra da vacina contra a COVID-19 em Patos de Minas.

Compartilhe

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

A lei nº 8.059/2021, que dispõe sobre a destinação de sobra da vacina contra a Covid-19 em Patos de Minas, foi publicada no Diário Oficial do Município nesta segunda-feira (Edição nº 439 – Extraordinária). Conforme definido pela norma legal, a vacinação nessa modalidade acontece se sobrarem doses no fim do expediente e houver risco de desperdício dos imunizantes. Para habilitar-se a receber a vacina, os interessados devem inscrever-se no campo Cadastro Vacinação Covid-19/ “Xepa da Vacina” do Aprova Digital. O cadastramento estará disponível a partir das 8h dessa terça-feira (27/7).

O excedente da vacina, quando houver, será aplicado de acordo com fila on-line formada por meio dos cadastros. A lista com a relação dos inscritos seguirá a ordem cronológica de cadastramento, sendo divulgada diariamente para que o cidadão conheça sua posição e possa se programar.

“A fila on-line dos cadastrados será atualizada todos os dias e disponibilizada no site da prefeitura, e a convocação acontecerá conforme a ordem de cadastros”, informou  a secretária de Saúde, Ana Carolina Magalhães Caixeta. “É importante ressaltar que o cadastramento não garante a vacinação. Para que isso ocorra, é necessário que haja sobra de doses no fim do dia e risco de desperdício”, acrescentou.

Quem pode se cadastrar?

O cadastro está aberto para pessoas acima de 18 anos. Quem completa essa idade em 2021 pode cadastrar-se, no entanto, se for convocada para vacinação com doses remanescentes, a pessoa deverá ter 18 anos completos.

Como ocorrerá a convocação?

Havendo sobra de doses, será feito contato com o número de telefone informado no cadastro. Por isso, as informações fornecidas na ficha cadastral devem estar corretas para possibilitar o contato.

Quanto tempo entre a efetiva comunicação e a chegada ao local da vacinação?

A lei nº 8.059/2021 determina que a pessoa tem o prazo máximo de 15 minutos para deslocar-se até o ponto de vacinação. Caso não compareça dentro desse período de tempo, perderá sua vez nessa modalidade, podendo, contudo, realizar novo cadastro.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
A responsabilidade pelo comentário é totalmente do respectivo autor. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos serão removidos automaticamente. Achou um comentário ofensivo? Clique em "denunciar".

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.