Briga de casal termina em esfaqueamento

Uma mulher foi presa suspeita de ter desferido golpes de faca no companheiro.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Toninho Cury

Matéria: Toninho Cury
Fonte: Clube Notícia

Na manhã deste domingo (19-08), a Polícia Militar prendeu uma mulher de 32 anos suspeita de esfaquear o amásio após uma crise de ciúmes.

- Continua depois da publicidade -

De acordo com o boletim de ocorrência, a Polícia Militar fazia um ponto base na Praça Irmão Sol que fica na Avenida Paranaíba. Em certo momento, os militares depararam com uma caminhonete GM S/10 a qual o motorista estava prestando socorro a um homem que foi vítima de um esfaqueamento. Em conversa com a vítima, André Marcelino da Silva, 24 anos, o mesmo disse que foi vítima de um roubo no povoado Vila São João. Ele relatou que foi abordado por dois indivíduos o quais tentaram roubar a moto.

Minutos depois, a Polícia Militar descobriu que a versão dada pelo André não era verdadeira. Através de uma ligação no 190, os militares descobriram que companheira de Andre teria sido a autora do esfaqueamento e o motivo seria ciúmes por parte do amásio.

Monica Evelyn Machado de Souza, 32 anos, disse que se encontrava em uma festa junto com o amásio fazendo uso de bebida alcoólica e que em certo momento, André enciumado, passou a lhe agredir e disse que ela estava dando em cima de um amigo.

Para se defender, Monica pegou uma faca e desferiu um golpe no peito do amásio, provocando um corte profundo. Andre Marcelino foi socorrido para o Hospital Regional onde ficou internado em observação medica. Monica apresentava hematomas no olho direito e no antebraço esquerdo.

Monica Evelyn Machado de Souza foi conduzida para a delegacia de Polícia e a faca utilizada na agressão foi apreendida.

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -