Bombeiros resgata criança que ficou com peça de máquina presa entorno do pescoço

O menino colocou a peça de maquina de algodão-doce no pescoço e não conseguiu retirar.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Fotos: 12º BBM

O Corpo de Bombeiros de Patos de Minas foi acionado na noite desta terça-feira (18/05) para atender um caso inusitado. Uma criança de dois anos teria pego uma peça de uma máquina de fazer algodão-doce e colocado em volta do pescoço. O equipamento ficou preso e os bombeiros foram acionados pelos país da criança.

Segundo os pais, a criança brincava em casa quando pegou uma peça de uma máquina de fazer algodão-doce caseiro. Ela colocou a peça sobre a cabeça como se fosse uma coroa. Durante a brincadeira, a peça passou pela cabeça da criança ficando em torno do pescoço.

O pai disse que tentava de puxar a peça de voltam, porém a mesma não saía. Durante as tentativas ao forçar a retirada, a criança ficou muito assustada e chorosa, porque as quinas das saliências da peça prendiam na cabeça, fazendo compressão e dificultando a retirada da mesma.

Com medo de tentar cortar a peça e acabar ferindo a criança, o pai solicitou apoio dos bombeiros que foram até o local e, após realizarem avaliação, decidiram cortar a peça plástica utilizando ferramentas como alicate de corte e serra tipo segueta. O trabalho foi realizado com segurança e a peça retirada. A criança não sofreu ferimentos.

Corpo de Bombeiros orienta aos pais

Apesar de ter sido uma ocorrência relativamente simples e com final feliz, o fato chama atenção para os acidentes domésticos, que são uma das principais causas de ferimentos e óbitos de crianças.

O Corpo de Bombeiros orienta os pais e responsáveis a ficarem alertas principalmente neste período de pandemia em que as crianças tem ficado mais tempo em casa, cuidando para que o ambiente doméstico esteja seguro e as crianças estejam sob supervisão, principalmente quando estiverem em locais onde elas estejam sujeitas a riscos de afogamento, queda de altura, risco de choque elétrico e risco de intoxicação com produtos de limpeza, remédios entre outros.

Atenção também durante a entrada e saída de automóveis na garagem a fim de certificar-se de que as crianças pequenas não estejam em volta do veiculo fora do alcance da visão do condutor durante as manobras principalmente em marcha à ré.

Estas são as principais causas de acidentes domésticos entre crianças e a melhor forma de preveni-las é mantendo a casa organizada, evitando o acesso de crianças a sacadas e janelas altas, mantendo acesso restrito à piscinas e demais locais com água, colocando cercas ou outro tipo de barreiras na piscinas fixas ou esvaziando piscinas infláveis, baldes e banheiras quando não estiverem em uso. Outra dica importante é proteger tomadas e evitando fios expostos ou desencapados. E sempre que possível, manter as crianças sob a supervisão de um adulto.

Em caso de emergência ligue, 193.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
A responsabilidade pelo comentário é totalmente de seu respectivo autor. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos serão removidos automaticamente. Achou um comentário ofensivo? Clique em "denunciar".

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.