Bombardeios no leste da Síria deixam pelo menos 15 mortos

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Pelo menos 15 pessoas morreram em vários bombardeios em três localidades na província de Deir ez-Zor, no leste da Síria, segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos. As informações são da agência EFE.

A organização não governamental aponta que pelo menos 12 civis foram mortos, entre eles cinco crianças e duas mulheres. O bombardeio foi atribuído à força aérea da Rússia em Tub, nos arredores da cidade de Deir ez-Zor, bastião do grupo jihadista Estado Islâmico. Há ainda dezenas de feridos, alguns deles em estado grave, o que pode aumentar o número de mortos.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos, organização sediada em Londres e que conta com uma rede de voluntários em todo a Síria, acredita que outro bombardeio matou duas mulheres na cidade de Al Shahil, ao leste do Rio Eufrates, que cruza a província de Deir ez-Zor.

No povoado de Salu, na margem leste do rio e perto de Al Shahil, foi registrada a morte de um homem em outro ataque.

Desde o dia 9 de setembro, as Forças da Síria Democrática (FSD), aliança liderada por milícias curdas, com a cobertura aérea da coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos, desenvolvem a ofensiva Tempestade de Al Yazira contra o Estado Islâmico, no leste de Deir ez-Zor e ao sul de Al Hasakah.

Esta operação transcorre em paralelo a outra das tropas governamentais sírias, apoiadas pela aviação russa, iniciada no último dia 2 em Deir ez-Zor, que está concentrada na capital provincial do mesmo nome e em seus arredores.

Edição:

Fonte: Agência Brasil

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS