Bolsonaro consultou Toffoli para anunciar assessor do STF na Defesa

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, recebeu uma ligação na manhã de hoje (13) do presidente eleito, Jair Bolsonaro, antes de anunciar o general Fernando Azevedo e Silva como ministro da Defesa. O militar atualmente ocupa o cargo de assessor no gabinete da presidência da Corte.

“Hoje pela manhã, fui consultado pelo presidente eleito Jair Bolsonaro sobre a indicação de Fernando Azevedo e Silva e prontamente disse que seria uma excelente escolha”, informou Toffoli, para quem o general tem sido “um grande colaborador nos temas envolvendo políticas de segurança”.

Em nota, Toffoli exaltou os serviços prestados por Azevedo e Silva nos três Poderes da República. “É com muita alegria que vejo o anúncio do nome do General Fernando Azevedo e Silva para Ministro de Estado da Defesa. Certamente sua larga experiência contribuirá para o fortalecimento da atuação das Forças Armadas, da segurança e da defesa no Brasil”, diz o texto.

Fernando Azevedo e Silva assumiu em 27 de setembro o cargo de assessor especial no gabinete de Toffoli.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS