Arrecadação com multas diminui em Patos de Minas

No último quadrimestre houve uma redução de 34,16%.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A arrecadação com multas de trânsito, em Patos de Minas, caiu 34,16%, no último quadrimestre. O município previa a entrada de 3 milhões de reais com as infrações, mas com o desligamento de radares e a suspensão da aplicação de multas, no início da pandemia, os valores chegaram a R$ 1.975.167,60. Na comparação com o mesmo período do ano passado, a queda foi de 33,24%.

No ano de 2019, arrecadou R$ 2.966.549,16 no mesmo período, com encerramento do ciclo em 31 de agosto. No entanto, esses valores não representam, diretamente, dinheiro em caixa. Isso porque, nem sempre, a autuação gera o pagamento. Nestes dados são contabilizados os valores emitidos pela Secretaria de Trânsito.

Além disso, há também um fator que pode ter contribuído para a queda. A educação dos motoristas. Em entrevista recente ao jornalismo da Rádio Clube 98, o secretário de trânsito, Roberto Carlos Campos, explicou que dois radares serão retirados do centro e instalados na JK. A manobra será realizada, pois nos trechos onde funcionavam houve redução no número de infrações e acidentes.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
ATENÇÃO: Dê preferência em utilizar sua conta do Facebook ou Google para comentar. Comentários com cinco descutidas serão submetidos a moderação. Para denunciar um comentário, clique na bandeira vermelha.
Os comentários não refletem a opinião do portal. A responsabilidade dos comentários é integralmente de seus autores. O Patos Notícias se reserva ao direito de remover postagens que violem seus termos de uso ou as leis vigentes sem prévia notificação.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.