Apesar da crise dos combustíveis, Fenamilho foi um grande sucesso, afirma prefeito de Patos de Minas

O vice-prefeito, Paulo Mota, também falou da importância da Festa Nacional do Milho para a cidade.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
José Eustáquio e Paulo Mota.
Foto: Julliane Souza (Triângulo Notícias)

A Festa Nacional do Milho (Fenamilho) chega ao seu final neste domingo (03/06). Foram duas semanas de muita animação em Patos de Minas. Ontem (02) foi o último dia de shows e o prefeito, José Eustáquio, e seu vice, Paulo Mota, estiveram presentes prestigiando o evento.

Eles assistiram as apresentações musicais na Fazendinha Adão Marins e conversaram com a reportagem do Triângulo Notícias. José Eustáquio, destacou que no início da semana havia uma preocupação com o abastecimento de combustível. “Havia aquele receio de que não haveria gasolina para o pessoal deslocar para o parque, mas a situação se normalizou e hoje temos um parque lotado” afirmou.

O prefeito ainda antecipou que a próxima edição da Fenamilho, a ser realizada em 2019, terá sua data já definida amanhã (04), quando o sindicato se reúne para fazer balanço deste ano e começar a planejar a próxima festa. “A gente cumprimenta e parabeniza toda a população de Patos e os visitantes por estarem aqui participando e a diretoria do sindicato que lutou para promover uma festa tão boa” disse o chefe do executivo municipal.

José Eustáquio, ainda falou sobre as atrações musicais e revelou que gostou muito da apresentação da última quarta-feira (30/05). “Estive acompanhando o show de Chitãozinho e Xororó e gostei muito. Acredito, alias tenho certeza, que Gusttavo Lima também marcará muito essa edição” finalizou.

Paulo Mota em entrevista para o Triângulo Notícias.
Foto: Julliane Souza

Conversamos também com o vice-prefeito, Paulo Mota, que ressaltou a importância da festa para a cidade. “Agora no final tivemos a normalização do abastecimento de combustível e isso permitiu que os visitantes pudessem vir prestigiar o evento. A Fenamilho é importante para Patos de Minas, já que é reconhecida nacionalmente” disse ele.

Questionado a respeito do abastecimento de combustível, Paulo afirmou que os impactos foram notáveis, tanto que as aulas na rede estadual e municipal tiveram que ser suspensas. Para ele, todas as atividades do município começam a se normalizar. “As aulas retornam nesta segunda-feira (04) e alguns setores já começam a voltar as atividades normais. Porém, alguns podem gastar até dois meses para entrar na inteira normalidade.”

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS